Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Nov de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Em Goiás, Programa de Atenção Integral ao Louco Infrator é referência na luta antimanicomial - Jornal Brasil em Folhas
Em Goiás, Programa de Atenção Integral ao Louco Infrator é referência na luta antimanicomial


“Por uma sociedade sem manicômios”. Esse é o lema do Dia Nacional da Luta Antimanicomial, lembrado nesta quinta-feira, dia 18. A data se caracteriza pela luta dos direitos das pessoas com sofrimento mental, transtorno mental e com problemas relacionados ao uso de álcool e outras drogas e pelo combate à ideia de que se devem isolar essas pessoas da família e da comunidade.

Em Goiás, uma conquista da luta antimanicomial é a inexistência de manicômio judiciário e, portanto, a garantia do Programa de Atenção Integral ao Louco Infrator (Paili). Com o Paili, Goiás cumpre na totalidade as diretrizes da Lei da Reforma Psiquiátrica em relação à medida de segurança, tendo em vista que a Lei visa humanizar o atendimento fora dos manicômios judiciários e as internações somente nos casos em que os recursos extra-hospitalares não forem suficientes.

O Paili presta, atualmente, assistência a 350 pessoas. O programa foi estruturado há 11 anos, por meio de um convênio firmado entre a SES-GO, Ministério Público do Estado de Goiás e Tribunal de Justiça de Goiás, e visa a assistência médica e social às pessoas com transtornos mentais autoras de atos infracionais, a não reincidência ao crime e a reinserção destes pacientes à família e à sociedade.

As pessoas com transtornos mentais que praticam qualquer tipo de crime são avaliadas, inicialmente, por uma junta médica para a comprovação da doença mental. Esta constatação torna a pessoa legalmente inimputável. Com isso, o juiz absolve a pena e define a medida de segurança, possível de ser cumprida por meio de internação ou de tratamento ambulatorial. A equipe do Paili faz a proposta terapêutica visando a recuperação do paciente.

Rede de Atenção Psicossocial

A Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO) tem conduzido à implantação e qualificação da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) em todo o território estadual, acompanhando e auxiliado o processo de desinstitucionalização de diversas pessoas que ainda moram em hospitais psiquiátricos do Estado. Também assessora o descredenciamento de hospitais psiquiátricos que não foram aprovados em processo de avaliação. Ainda, suspendeu o cofinanciamento aos hospitais psiquiátricos e redireciona os recursos para RAPS Goiás.

Uma importante conquista foi a promulgação da Lei 10.216/2001, que preconiza a reestruturação da atenção em saúde mental, defende os direitos das pessoas que necessitam de tratamento. Propõe a criação de serviços que ofereçam este tratamento sem que isto signifique exclusão da vida social ou perda dos diretos e do lugar de cidadão.

 

Últimas Notícias

Moradias construídas pelo Governo de Goiás resgatam dignidade e fortalecem identidade coletiva da população quilombola
Banda de rock e Anjos Urbanos juntos na prevenção às drogas nas escolas
Governo Junto de Você: casamento comunitário vai unir 174 casais em Trindade
Marconi presta homenagem a Aristides Junqueira, “grande guardião da Constituição de 1988”
Sine Estadual disponibiliza mais de 50 vagas exclusivas para pessoas com deficiência
HGG adere à Rede Universitária de Telemedicina
Governador reconhece importância do cooperativismo para evolução econômica de Goiás nos últimos 20 anos
Saneago integrará Sistema Mauro Borges ao Meia Ponte para garantir abastecimento de Goiânia e Região Metropolitana

MAIS NOTICIAS

 

Estado entrega mais de 100 moradias em Mara Rosa e Cheque Mais Moradia para Amaralina e Bonópolis
 
 
Câmara aprova mais 81 municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo na Sudene
 
 
Disputa entre taxistas e motoristas de aplicativos agora vai para a Câmara
 
 
Temer volta a Brasília e deve retomar agenda de trabalho no Planalto
 
 
Ministro da Justiça confirma críticas à segurança do estado do Rio
 
 
Banco Safra pagará US$ 10 milhões por movimentar dinheiro desviado por Maluf

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212