Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Andorra, Islândia e Suíça lideram ranking dos melhores sistemas de saúde - Jornal Brasil em Folhas
Andorra, Islândia e Suíça lideram ranking dos melhores sistemas de saúde


Andorra, Islândia e Suíça lideram a lista de sistemas de saúde publicada nesta sexta-feira, que destaca um aumento da diferença entre os países mais e menos eficazes desde 1990.

Publicado na revista britânica The Lancet, o estudo tem como base um índice que mede a qualidade e o acesso dos sistemas de saúde.

A eficácia de cada país foi estabelecida de acordo com as taxas de mortalidade de 32 doenças das quais os óbitos podem, em tese, ser evitados com um acesso rápido a um atendimento eficaz (tuberculose, câncer de mama, leucemia, algumas enfermidades cardiovasculares, entre outras).

Entre 1990 e 2015 foram examinados 195 países, com uma pontuação de 0 a 100.

Andorra ficou em primeiro lugar com 95 pontos, seguida por Islândia (94) e Suíça (92). Treze dos 15 primeiros colocados estão na Europa ocidental, como Espanha (8º, com 90) e França (15º, com 88). Os outros dois são Austrália (6º, 90) e Japão (11º, 89).

Estados Unidos ocupam o 35º lugar (81) e o Reino Unido o 30º (85).

No outro lado da lista aparecem Somália (34), Afeganistão (32) e a lanterna, República Centro-Africana (29).

A média dos resultados aumentou consideravelmente desde 1990, passando de 40,7 a 53,7. No total, 167 países viram o acesso e a qualidade de seus sistemas de saúde aumentar de maneira significativa, destaca o estudo.

As desigualdades, no entanto, cresceram. A diferença entre o primeiro país da lista e o último era de 66 pontos em 2015 contra 62 em 1990.

O estudo também destaca a diferença entre a eficácia real dos países e aquela que seu nível de desenvolvimento deveria representar normalmente.

Desta maneira, entre os países que registraram um avanço considerável de acesso e qualidade do atendimento médico desde 1990 estão Coreia do Sul, Turquia e China.

Na América Latina, um dos destaques é o Peru, que registrou um avanço de 23,7 pontos entre 1990 e 2015. O estudo aponta alguns fatores que podem influenciar o resultado: melhores condições financeiras do sistema de saúde ou de governança.

Mas há uma grande diferença de rendimento dos sistemas de saúde entre os países latino-americanos.

Estes resultados parecem uma advertência: o aumento do nível de desenvolvimento não implica necessariamente uma melhora da qualidade e do acesso ao sistema de saúde, comenta o coordenador do estudo, o professor Christopher Murray, do Instituto de Medidas e Avaliações da Saúde (IHME) da Universidade de Washington.

Desta maneira, a diferença do rendimento real dos Estados Unidos e o que se esperaria é de menos de 10 pontos, resultado que chega a 25 no caso da África do Sul. Ao contrário, para os primeiros países da lista, a diferença é nula.

O estudo foi financiado pela fundação Bill & Melinda Gates.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212