Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 País tem amortecedores robustos para momentos de crise, diz presidente do BC - Jornal Brasil em Folhas
País tem amortecedores robustos para momentos de crise, diz presidente do BC


O presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, disse hoje (19) que o Brasil tem “amortecedores robustos” e, por isso, está menos vulnerável a choques internos e externos. A afirmação foi feita em reunião-almoço, promovida pelo banco Santander, em São Paulo, em evento fechado à imprensa.

“A política econômica doméstica mudou de direção há um ano, e as reformas implementadas neste curto período mostraram resultados positivos, por isso a importância de se continuar nesse caminho virtuoso”, disse Goldfajn, de acordo com informações divulgadas pela assessoria de imprensa do Banco Central.

Segundo Goldfajn, o BC continuará monitorando o impacto das informações políticas recentemente divulgadas e atuará, sempre que necessário, para manter a plena funcionalidade dos mercados. O mercado financeiro enfrentou ontem turbulências, no primeiro dia de funcionamento após divulgação de parte do conteúdo da delação dos empresários Joesley Batista e Wesley Batista, donos do grupo JBS.

Goldfajn acrescentou que o Banco Central tem atuado, em coordenação com o Ministério da Fazenda, para dar liquidez aos mercados, por meio de swaps cambiais (equivalentes à venda de dólares no mercado futuro) e dos leilões de recompra de títulos públicos. “O BC e o Tesouro Nacional têm vários instrumentos à disposição. Essa atuação firme e serena tem foco no bom funcionamento dos mercados”, acrescentou.

Segundo Goldfajn, não há “relação direta e mecânica com a política monetária [definição da taxa básica de juros, a Selic], que continuará focada nos seus objetivos tradicionais”. “Em outras palavras, as decisões sobre a taxa básica de juros serão tomadas pelo Copom [Comitê de Política Monetária], no curso de suas reuniões ordinárias, considerando o cenário básico, o balanço de riscos e o amplo conjunto de informações disponíveis”, disse.

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212