Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


26 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Banco Central dos EUA indica ser apropriado novo aumento nas taxas de juros - Jornal Brasil em Folhas
Banco Central dos EUA indica ser apropriado novo aumento nas taxas de juros


O Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) considera que logo será apropriado um novo aumento nas taxas de juros se a melhoria econômica se mantiver, segundo as atas da reunião do início de maio divulgadas nesta quarta-feira.

A maior parte dos participantes afirmou que, se a informação econômica continuar em linha com o esperado, seria apropriado tomar logo um novo passo na retirada de parte da expansão monetária, indicou o documento, que faz referência ao encontro dos dias 2 e 3 de maio sobre política monetária do Fed.

Na ocasião, o banco central americano decidiu manter sem modificação as taxas de juros na categoria de entre 0,75% e 1%, que espera elevar em duas ocasiões ao longo deste ano.

No entanto, ressaltou que seria prudente aguardar a uma evidência adicional que aponte que o recente esfriamento no ritmo da atividade econômica tenha sido transitório.

O primeiro dado de evolução do Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA mostrou uma taxa anualizada de crescimento de 0,7% no primeiro trimestre de 2017, abaixo do esperado.

O desemprego, pelo contrário, continuou sua progressiva queda e se situou em abril em uma taxa de 4,4%, nos menores níveis em uma década.

Por outro lado, os membros do Fed se mostraram de acordo em iniciar ao longo deste ano a redução de seu avultado balanço de ativos de mais de US$ 4 bilhões adquiridos para estimular a economia, após a crise financeira através da cessação paulatina do reinvestimento dos benefícios destes ativos.

A próxima reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto do Fed, que dirige a política monetária do organismo, está prevista para os dias 13 e 14 de junho, e para então está prevista uma coletiva de imprensa de sua presidente, Janet Yellen.

 

Últimas Notícias

Temer deixa prédio da Polícia Federal no Rio
Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos
Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande
Países sul-americanos devem sair de uma só vez da Unasul, diz ministro
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212