Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Feb de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Petrobras cancela contrato de fornecimento de gás para UTE Cuiabá - Jornal Brasil em Folhas
Petrobras cancela contrato de fornecimento de gás para UTE Cuiabá


A Petrobras notificou hoje (8) a empresa Âmbar Energia, do grupo J&F Investimentos, da extinção antecipada de contrato de fornecimento de gás natural para a Usina Termelétrica Mário Covas, conhecida como UTE Cuiabá, em função de violação de cláusula contratual que trata de legislação anticorrupção. A informação consta de fato relevante enviado pela estatal ao mercado.

A Petrobras pretende cobrar indenização pelo descumprimento das cláusulas contratuais, avaliada em torno de R$ 70 milhões. Para isso, considera o prazo contratual remanescente entre a data da extinção contratual, que acontece dez dias após a notificação, e o término original, que seria em 31 de dezembro próximo.

O contrato com a Âmbar foi firmado no dia 13 de abril deste ano. Na cláusula estabelecida no contrato, a empresa declarou não ter feito pagamento ou oferecido qualquer vantagem indevida a qualquer autoridade pública.

A Petrobras salienta, porém, ter tomado conhecimento das gravações de delações premiadas de executivos do grupo J&F, nas quais relatam ter cometido atos que violam a legislação anticorrupção vigente no país.

A estatal esclareceu que, durante as negociações contratuais, não aceitou pautar o preço contratual de acordo com os preços de importação do gás da Bolívia, conforme demandado pela Âmbar, porque estaria abaixo das condições de preços da companhia.

“Desta maneira, as condições de preço acordadas foram baseadas em critérios de mercado e que espelham contratos assinados pela Petrobras com outros clientes. No contrato que está sendo rescindido, o preço vigente é de US$ 6,07/MMBtu (milhão de Unidades Térmicas Britânicas), enquanto o valor das importações bolivianas é de US$ 4,29/MMBtu”.

Próximos passos

Em nota, a Âmbar Energia confirmou ter recebido notificação da Petrobras sobre o cancelamento do contrato de fornecimento de gás para a UTE Cuiabá. A companhia está avaliando o comunicado da estatal para decidir quais serão os próximos passos.

A empresa esclareceu que “não é nem nunca foi alvo de investigações de atos de corrupção”, acrescentando que todos os fatos relatados na delação premiada por executivos da J&F se dão no âmbito da holding, e não da Âmbar.

Salientou, também, que, no acordo de leniência assinado pela J&F com o Ministério Público Federal (MPF), “todas as controladas da holding estão autorizadas a celebrar contratos com instituições e empresas públicas”.

 

Últimas Notícias

Superintendente da Caixa, Marise Fernandes, recebe Título de Cidadã Goiana
Iris Rezende: “Marconi deixou sua marca em todas as áreas administrativas”
Bolsa Universitária: abertas novas inscrições para 10 mil bolsas
Torcidas de Goiás e Vila se mobilizam para a doação de sangue
800 vigilantes penitenciários concluem curso e vão reforçar segurança em presídios
Governo de Goiás entrega mais um colégio de alto padrão no Entorno do DF
Goiás terá 10 mil agentes de saúde formados em técnico em enfermagem
Dois chefs de cozinha representam Goiás na disputa pela maior premiação da gastronomia brasileira

MAIS NOTICIAS

 

Ministro diz que Brasil mantém portas abertas para receber refugiados
 
 
Aprovação da reforma da Previdência é prioridade número um, diz Meirelles
 
 
Conselhos aprovam intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro
 
 
Eunício determina que todas as PECs parem de tramitar no Senado
 
 
Maia anuncia criação de observatório para acompanhar ações de intervenção no RJ
 
 
Marun diz que não há como votar reforma da Previdência durante intervenção

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212