Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


12 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Imperatriz e Beija-Flor abrem o Desfile das Campeãs no Rio - Jornal Brasil em Folhas
Imperatriz e Beija-Flor abrem o Desfile das Campeãs no Rio


O Desfile das Campeãs foi aberto em alto estilo pela Imperatriz Leopoldinense e a Beija-Flor de Nilópolis, respectivamente sexta e quinta colocadas no Carnaval 2016 do Grupo Especial. O público voltou a lotar o Sambódromo, comemorando muito na passagem de cada escola, que, sem o temor de perder pontos, desfilaram mais descontraídas.

A Imperatriz levantou o Setor 1, na concentração, ao trazer o enredo É o Amor, que conta a vida dos irmãos Zezé de Camargo e Luciano, passeando por um Brasil caipira, desde a infância da dupla, no interior de Goiás, na concepção do carnavalesco Cahê Rodrigues. Entre os destaques, o craque Zico, que veio em cima de um dos carros e foi um dos mais festejados na avenida.
Rio de Janeiro - Imperatriz é a primeira escola a se apresentar na Marquês de Sapucaí, no desfile das campeãs, com o enredo É o Amor... Que Mexe Com MInha Cabeça e Me Deixa Assim - Do sonho de um caipira nasce os

Imperatriz Leopoldinense homenageou a dupla sertaneja Zezé de Camargo e Luciano na concepção do na concepção do carnavalesco Cahê Rodrigues

A segunda escola foi a campeoníssima Beija-Flor, que este ano buscou ispiração no Marquês de Sapucaí na tentativa de um bicampeonato. Com a voz de Neguinho da Beija-Flor agitando as arquibancadas, a azul e branco de Nilópolis entrou triunfante na Sapucaí.

Nem mesmo a denúncia feita pelo diretor de carnaval da Beija-Flor, Laíla, de que a ausência de um dos jurados no desfile teria sido fruto de uma tentativa de prejudicar algumas escolas, ofuscou o carisma da escola. Segundo o presidente da Beija-Flor, Farid Abrahão David, o caso terá que ser investigado pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa).

“Eu acho que é um assunto grave, que tem de ser apurado. Não estamos questionando a vitória da Mangueira. Questionamos é a nossa colocação”, disse Farid.

A noite ainda reservou para o público a passagem das demais escolas melhor colocadas no Grupo Especial, na ordem inversa à posição no carnaval desde ano: Salgueiro, Portela, Unidos da Tijuca e a campeã Mangueira, a quem cabe a honra de fechar o desfile.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212