Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 UE prorroga sanções à Rússia por seu papel na Ucrânia - Jornal Brasil em Folhas
UE prorroga sanções à Rússia por seu papel na Ucrânia


A União Europeia (UE) prorrogou por seis meses, nesta quarta-feira (28), as sanções econômicas impostas a setores estratégicos russos, devido à falta de avanço nos acordos de paz na Ucrânia - anunciou o Conselho da UE.

O Conselho prorrogou até 31 de janeiro de 2018 as sanções econômicas dirigidas a setores específicos da economia russa, indicou o órgão comunitário, em uma nota, aprovando formalmente a decisão política adotada pelos presidentes do bloco na última quinta-feira (22).

A UE decidiu impor essas sanções contra setores energéticos, da defesa e bancos russos pela primeira vez em 31 de julho de 2014. As medidas foram motivadas pela derrubada de um avião da Malaysia Airlines no leste da Ucrânia, onde forças leais a Kiev e rebeldes pró-russos se enfrentam.

Os 28 foram ampliando as punições posteriormente e, em meados de março de 2015, decidiram vincular sua duração à aplicação dos acordos de Minsk, que buscam pôr fim ao conflito entre forças leais a Kiev e separatistas pró-russos no leste do país.

Com essas medidas, cinco entidades financeiras russas com participação estatal, assim como três empresas russas do setor de energia e da defesa, ficam com acesso limitado aos mercados de capitais europeus.

Também se impôs aos russos a proibição de exportar e importar armas, além da restrição de acesso a tecnologias suscetíveis de serem usadas para produção e exploração de petróleo.

Em resposta, Moscou adotou medidas de retaliação contra agricultores europeus.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212