Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 José Eliton: “Não deixaremos que depredem a grande obra que construímos junto com a população” - Jornal Brasil em Folhas
José Eliton: “Não deixaremos que depredem a grande obra que construímos junto com a população”


Ao discursar, na tarde de ontem (15), durante a abertura do segundo ano da 18ª legislatura da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, o governador em exercício, José Eliton, ressaltou que Goiás vivenciou uma transformação social e econômica sem precedentes nos últimos anos, fruto da união dos esforços entre trabalhadores, empresários e o governo estadual. Tamanho patrimônio, ponderou, não poderá ser desconstruído pela minoria oposicionista aos avanços alcançados pelos goianos.

“Trabalhadores, empreendedores e Governo deram as mãos para criar as condições da promoção de um desenvolvimento humano genuíno, único no país. Graças a esse grande pacto, avançamos em todas as áreas: na educação, na saúde, na segurança pública, na inclusão dos cidadãos, na infraestrutura, no aperfeiçoamento dos serviços públicos e, principalmente, na inclusão social que se traduz como a grande marca das gestões do governador Marconi Perillo”, observou, para, em seguida, reafirmar que o trabalho construído de mãos dadas não será desconstruído ou vilipendiado.

“Os avanços são conquistas de todos nós, goianos, e, em função disso, somos tomados por um sentimento de profunda indignação quando uma minoria frustrada e inconformada com o nosso progresso tenta depredar a grande obra que edificamos em conjunto com a população. Não vamos aceitar a tentativa de vilipêndio. Não vamos jamais ficar calados diante das injustiças e das mentiras. Vamos apresentar os remédios para toda a virulência. Vamos invocar as instituições democráticas de nosso Estado para enfrentar o atraso, o preconceito, o provincianismo, a apologia à violência, a intolerância e a exploração das fragilidades humanas”, declarou.

José Eliton afirmou que o governo estadual reconhece não só os avanços, mas também as dificuldades e os desafios que tem para este ano e para a atual gestão, mas que combaterá ataques enviesados em projetos políticos, arraigados em interesses eleitoreiros. “São ações que desrespeitam os goianos e tentam desmerecer e destruir os avanços que construímos juntos”, enfatizou. “Esses governos são formados pelos mesmos partidos políticos que ora tentam desmerecer os avanços que alcançamos juntos em Goiás. São os autores dos maiores escândalos de corrupção da história do Brasil. Transformaram o espaço público em balcão de negócios pessoais”, completou.



Avanços

Ele detalhou os avanços e investimentos nos setores da economia, saúde, educação, infraestrutura, segurança pública, qualificação profissional, inovação. Começou por destacar que a economia de Goiás foi a que mais cresceu entre os anos 2005 e 2014, a uma média de 4,8% ao ano, segundo estudo do Banco Central. Nesse mesmo período, Goiás foi o estado que mais reduziu a desigualdade social. Destacou que, mesmo em meio à crise econômica, Goiás conseguiu manter equilíbrio das contas, graças ao rigoroso ajuste fiscal realizado no início do ano passado. Ressaltou, também, que a balança comercial de Goiás está há 24 meses com saldo positivo.

Com relação à área da saúde, ressalvou que o Governo de Goiás tem, hoje, o melhor e mais humanizado atendimento hospitalar na rede SUS em todo o Brasil, em virtude da exitosa implantação do modelo de gestão compartilhada de hospitais com as Organizações Sociais, as OSs. Lembrou a construção do maior hospital de urgências e emergências do Centro-Norte do país, o Hospital de Urgências Otávio Lage (Hugol), e do alto índice de aprovação da população goiana. Destacou, ainda, que os hospitais estaduais hoje são acreditados pela Organização Nacional de Acreditação (ONA).

Sobre a educação, aludiu que Goiás conquistou o primeiro lugar no Ideb, exame realizado em todos os estados do Brasil, e ressaltou que o governo estadual deseja, com a implantação da gestão compartilhada com OSs, melhorar a infraestutura das unidades e garantir a melhoria dos indicadores de qualidade da educação. Ao discorrer sobre a infraestrutura do Estado, José Eliton destacou o programa Rodovida, criado por Marconi em 2011, e por meio do qual foi possível recuperar e construir a malha rodoviária estadual.

O governador em exercício ressaltou que, nos últimos anos, Goiás assumiu o protagonismo no contexto brasileiro, e realçou a criação do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central, que é presidido pelo governador Marconi Perillo, e também a criação do maior programa de inovação tecnológica do país, o Inova Goiás, coordenado por ele.

Afirmou que o governo estadual continuará trabalhando em sintonia e respeito com o Poder Legislativo, e desejou um ano de muito trabalho e bons resultados aos deputados. Ao final de seu discurso, entregou um relatório detalhado ao presidente da Casa, Hélio de Sousa. “Aos parlamentares que compõem a nossa base nesta Casa, vamos permanecer irmanados na construção das bases de um estado mais avançado e moderno. À oposição, destaco que as críticas são bem-vindas; a divergência será sempre respeitada; os argumentos serão ouvidos. Mas a irresponsabilidade será combatida, a leviandade será processada e a mentira será enfrentada e desmascarada”, declarou.

Aos goianos, assegurou: “Goiás prosseguirá na rota do desenvolvimento humano e econômico, com o bem-estar de cada cidadão em primeiro lugar. Nosso Estado pode e irá mais longe, cada vez melhor para todos”.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212