Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Guerra custa US$ 226 bilhões à economia síria, estima Banco Mundial - Jornal Brasil em Folhas
Guerra custa US$ 226 bilhões à economia síria, estima Banco Mundial


Os seis anos de conflito na Síria devastaram a infraestrutura e a economia daquele país. As perdas chegam a 226 bilhões de dólares, segundo estimativas do Banco Mundial (BM) divulgadas nesta segunda-feira (10).

A guerra deixou mais 320 mortos e mais da metade da população deslocada desde seu início, em março de 2011.

Mas o BM estima que a devastação vai além do saldo de mortos e dos danos à infraestrutura.

A guerra da Síria partiu em pedaços o tecido social e econômico do país, declarou o vice-presidente do BM para o Oriente Médio e a África do Norte, Hafez Ghanem.

O número de vítimas é devastador, mas a guerra destrói também as instituições e os sistemas necessários para o funcionamento da sociedade, e recuperá-los será um desafio muito maior que a reconstrução das infraestruturas em si, um desafio que não para de crescer à medida que a guerra segue, afirmou.

Segundo o relatório do BM, as perdas acumuladas do PIB desde 2011 são estimadas em 226 bilhões de dólares, cerca de quatro vezes o PIB da Síria em 2010.

A instituição ainda relata que o conflito danificou ou destruiu 27% do parque imobiliário e quase metade dos centros médicos e de educação.

Cerca de 538 mil vagas de emprego foram fechadas a cada ano entre 2010 e 2015. Além disso, três a cada quatro sírios em idade produtiva, em torno de 9 milhões de pessoas, não estão trabalhando, nem inscritos em escolas ou centros de formação.

As consequências a longo prazo dessa inatividade serão uma perda coletiva do capital humano, levando a uma escassez de competências na Síria, disse.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212