Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Feb de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Paraty recupera antigo cinema do centro histórico - Jornal Brasil em Folhas
Paraty recupera antigo cinema do centro histórico


A população de Paraty, cidade histórica situada na Costa Verde do estado do Rio de Janeiro, terá de volta seu antigo cinema, que será restaurado. A inauguração está prevista para o primeiro trimestre de 2018.

Iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura e desenvolvido pela Associação Paraty Cultural, o projeto está inserido no Conjunto Arquitetônico de Paraty, tombado, em seu conjunto, em 1958, como patrimônio histórico pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) destinou R$ 1,3 milhão às obras, em recursos não reembolsáveis. O apoio do banco faz parte da terceira e última etapa do projeto e se destina à finalização, compra de mobiliários e equipamentos. A mão de obra utilizada é toda do município.

Na avaliação da secretária de Cultura de Paraty, Cristina Maseda, a notícia “é extremamente importante” para a cidade, que não tinha um cinema desde 1974. “Uma cidade que foi referência na cinematografia brasileira, sendo cenário de vários filmes do Cinema Novo e em vários outros momentos do cinema brasileiro, volta a ter uma sala de exibição cinematográfica. É extremamente importante para a nossa cidade, para a nossa memória e, principalmente, para a juventude”.

Ganhos

O cinema terá arquitetura e mobiliário que permitirão múltiplos usos, assim como diferentes configurações, de modo a atender às necessidades da cultura local, informou a superintendente de Gestão da Associação Paraty Cultural, Andréa Maseda. Além da programação cinematográfica semanal, serão promovidos projetos ligados à educação, à pesquisa, à criação e à produção cultural.

Para o superintendente executivo da Associação Paraty Cultural, Raphael Moreira, a restauração do cinema tem um significado que ultrapassa o interesse do projeto para a entidade. “Para a cidade, é um ganho de equipamento público sem precedentes. Ainda mais que nossos avós, nossos pais viveram aquele espaço como um cinema e, hoje, ele não vai ser só um cinema, mas será cinema e um espaço multiuso”. Moreira informou que o salão do cinema, por exemplo, poderá ser desmontado. O novo cinema de Paraty terá áreas para oficinas. Outro detalhe importante é que o cinema ficará na praça principal do município, a Praça da Matriz, onde não havia mais nenhum equipamento público municipal.

Na avaliação dos moradores, a novidade merece comemoração. O presidente da Associação dos Moradores de Paraty-Mirim, Renato Vieira da Silva, acredita que o cinema trará muita coisa boa para o município. “É difícil ter que ir a Angra dos Reis [município vizinho, no estado do Rio de Janeiro] ou Ubatuba [São Paulo] para assistir a lançamentos”.

História

O imóvel onde funcionou o antigo Cinema de Paraty, situado no centro histórico da cidade, foi originalmente uma casa térrea, no período de 1894 a 1908. Após ampla reforma, se transformou em sobrado, em 1930, abrigando o Cine São Jorge, que funcionou até 1973. O sobrado que sediará o Cinema da Praça Espaço Experimental de Cultura foi adquirido pela prefeitura de Paraty em 2011. O projeto de reforma e adequação é assinado pelo arquiteto Marinho Velloso, da Secretaria Municipal de Obras de Paraty e foi aprovado em julho de 2015 pelo Iphan. Na etapa inicial de restauro, houve patrocínio da Petrobras e do governo fluminense, entre outras instituições.

A grande integração espacial do imóvel, apresentando várias camadas de história nas paredes aparentes, foi destacada pelo arquiteto Marinho Velloso. O projeto tem como referências a Pinacoteca do Estado de São Paulo e o Sesc Pompeia, ambos localizados na capital de São Paulo, e o Teatro Engenho Central, em Piracicaba (SP), que mostram situações especiais de patrimônio histórico.

O sobrado ficou fechado durante muitos anos e era usado como depósito. O restauro priorizou a intervenção mínima, de maneira a preservar ao máximo as paredes originais, que serão mantidas em alvenaria de tijolos maciços aparentes. Já as paredes novas terão acabamento liso, com reboco e pintura. Para facilitar a manutenção, que é uma questão sensível em prédios públicos, Velloso destacou que as instalações elétrica e hidráulica serão externas. As portas e janelas estão sendo submetidas a raspagens para identificar as cores originais, atendendo a uma exigência do Iphan.

A missão do Cinema da Praça Espaço Experimental de Cultura é se consolidar como um centro de difusão, experimentação, documentação, formação e produção de cultura em Paraty, por meio de uma gestão compartilhada e múltiplas parcerias.

Monumentos

Outros dois monumentos do conjunto arquitetônico de Paraty receberam apoio financeiro do BNDES, no âmbito do Fundo Cultural – Lei Rouanet. São eles a Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios, situada no centro histórico do município, e a Praça da Matriz, localizada em frente e considerada a mais antiga e maior área verde inserida no bairro histórico da cidade.

Segundo o BNDES, o apoio ao projeto de restauração do cinema de Paraty reforça a descentralização do parque exibidor nacional, meta do programa Cinema Perto de Você. Por meio do programa, o banco financia a implantação de salas de cinema em cidades médias e na periferia de grandes centros urbanos.

 

Últimas Notícias

Superintendente da Caixa, Marise Fernandes, recebe Título de Cidadã Goiana
Iris Rezende: “Marconi deixou sua marca em todas as áreas administrativas”
Bolsa Universitária: abertas novas inscrições para 10 mil bolsas
Torcidas de Goiás e Vila se mobilizam para a doação de sangue
800 vigilantes penitenciários concluem curso e vão reforçar segurança em presídios
Governo de Goiás entrega mais um colégio de alto padrão no Entorno do DF
Goiás terá 10 mil agentes de saúde formados em técnico em enfermagem
Dois chefs de cozinha representam Goiás na disputa pela maior premiação da gastronomia brasileira

MAIS NOTICIAS

 

Ministro diz que Brasil mantém portas abertas para receber refugiados
 
 
Aprovação da reforma da Previdência é prioridade número um, diz Meirelles
 
 
Conselhos aprovam intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro
 
 
Eunício determina que todas as PECs parem de tramitar no Senado
 
 
Maia anuncia criação de observatório para acompanhar ações de intervenção no RJ
 
 
Marun diz que não há como votar reforma da Previdência durante intervenção

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212