Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Jan de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Parlamento venezuelano comemora derrota do governo na Constituinte - Jornal Brasil em Folhas
Parlamento venezuelano comemora derrota do governo na Constituinte


O Parlamento da Venezuela, de maioria opositora, comemorou hoje (31) o que considerou como uma derrota do governo de Nicolás Maduro nas eleições da Assembleia Nacional Constituinte realizadas neste domingo. Segundo o Legislativo, os resultados da eleição foram inventados. A informação é da agência EFE.

A realidade política é que ontem o povo venezuelano derrotou o governo de maneira contundente, disse o presidente da Assembleia Nacional Venezuelana, o opositor Julio Borges, que indicou que esta derrota deve dar mais força e determinação aos venezuelanos para continuar na luta.

Borges deu estas declarações a jornalistas na sede do palácio legislativo, ao qual chegaram desde muito cedo os deputados opositores para resguardar o recinto, perante a possibilidade que fosse tomado pelo oficialismo para instalar a Assembleia Constituinte eleita ontem, com o apoio único do chavismo. Logo após a chegada dos parlamentares opositores, um grupo de coletivos ligados ao governo rodeou o Parlamento e impediu a entrada de fotógrafos e de outros jornalistas.

Borges disse que este passo final do governo de ter avançado com a Constituinte para mudar a Carta Magna apesar da rejeição da oposição e do chavismo crítico, mostra que se trata de um governo tão desesperado, tão débil que tem que inventar oito milhões de votos que não existem.

Por sua parte, o deputado Henry Ramos Allup disse esperar que não pretendam dissolver um poder eleito legitimamente como é a Assembleia Nacional. No entanto, poucos minutos após o Poder Eleitoral anunciar os resultados das eleições para a Constituinte, o presidente Nicolás Maduro assegurou que o Parlamento devia ser revisado e a imunidade de alguns parlamentares suspensa.

Nós vamos continuar cumprindo com os nossos deveres aqui e em qualquer lugar. Se tomarem de assalto, pelas armas como costumam fazer, o palácio legislativo, nós temos que fazer sessões em outro lugar, comentou o deputado Ramos Allup.

A Constituinte foi eleita ontem em meio a grandes protestos, reprimidos pelas forças de segurança, deixando um saldo de pelo menos 10 mortos, segundo dados do Ministério Público.

 

Últimas Notícias

Papa dedica missa em Temuco às vítimas da ditadura de Pinochet
Navios de guerra turco e grego colidem perto de ilhotas disputadas
Navalni, o opositor anticorrupção decidido a desafiar Putin
Milhares de peregrinos esperam papa Francisco em terras mapuche
McCain pede que Trump pare os ataques contra jornalistas
Manifestantes condenados à prisão por ficarem nus em Auschwitz
Macron e May anunciam na quinta novo tratado para migração
Kim Kardashian anuncia nascimento de terceiro filho, este de barriga de aluguel

MAIS NOTICIAS

 

Tantas pontuações já não significam nada, afirma premiado chef francês
 
 
Leonardo DiCaprio protagonizará filme de Tarantino sobre Charles Manson
 
 
DiCaprio vai estrelar filme de Tarantino sobre assassinatos de Charles Manson
 
 
Palestinos buscam dar uma resposta a Trump sobre Jerusalém
 
 
Países e organizações indignados com Trump por declarações racistas
 
 
Oliver Stone assina petição para que Lula possa disputar eleição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212