Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Air France amplia zona sem sobrevoo perto da Coreia do Norte - Jornal Brasil em Folhas
Air France amplia zona sem sobrevoo perto da Coreia do Norte


A Air France anunciou, nesta quinta-feira, que vai ampliar sua zona de não sobrevoo perto da Coreia do Norte, após um míssil balístico do país cair no mar a 100 quilômetros da trajetória de um avião da companhia.

Após tomar conhecimento do teste com o míssil decidimos estabelecer uma zona sem sobrevoo mais ampla, para ficar mais longe do território da Coreia do Norte, afirmou a companhia numa nota, descrevendo a ação como uma medida de precaução.

A companhia ainda completou: A informação disponível para a Air France mostra que o míssil caiu no mar a mais de 100 quilômetros da trajetória do voo AF293.

O avião com 323 pessoas a bordo voava do aeroporto Haneda, em Tóquio, para o aeroporto Charles de Gaulle, em Paris. O míssil caiu no mar minutos após a aeronave passar por aquela área.

Mesmo que essa distância tivesse sido comprovada, isso não afetaria a segurança do voo, afirmou a Air France.

Um porta-voz disse que o voo passou pelo local sem problemas. Contudo, a companhia aérea, que destacou que já não sobrevoa o território da Coreia do Norte, disse que decidiu tomar a medida preventivamente.

Trabalhando com as autoridades, a Air France constantemente analisa zonas de sobrevoo potencialmente arriscadas e adapta seus planos de voo de acordo com isso, a transportadora destacou.

A Coreia do Norte alarmou a comunidade internacional ao desenvolver um programa de mísseis, e em julho o realizou dois testes de um ICBM - primeira vez que demonstrou a capacidade de seus ICBMs.

Após o segundo teste, na semana passada, alguns especialistas sugeriram que Nova York possa estar ao alcance dos mísseis.

 

Últimas Notícias

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos
Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande
Países sul-americanos devem sair de uma só vez da Unasul, diz ministro
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar
Conselho Europeu aceita prorrogar saída do Reino Unido para maio

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212