Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Jan de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Proteste avaliou 6 marcas de cafeteiras expressas; veja quem se saiu melhor - Jornal Brasil em Folhas
Proteste avaliou 6 marcas de cafeteiras expressas; veja quem se saiu melhor


SÃO PAULO – As cafeteiras expressas vêm se popularizando no Brasil nos últimos anos e, entre dezembro de 2015 e o mesmo mês de 2016, foram vendidas cerca de 2,5 milhões dessas máquinas no país. A Proteste testou as seis marcas mais vendidas do mercado, cinco com cápsulas e uma com pó.

Os modelos testados foram Nespresso C60, Nespresso Prodigio, Arno Movenza, Delta Q Evolution, Três Corações Versa e Oster BVSTECMP55. Os critérios usados no teste foram segurança elétrica, segurança térmica, manual de instruções, versatilidade, dimensões, consumo, facilidade de uso e desempenho.

Apesar de todos serem versáteis, a marca Oster é a única que tem o tubo para a função de vapor, além da função de fazer dois cafés ao mesmo tempo. Dos manuais, o mais completo foi o da Nespresso C60.

Os resultados, segundo a associação, mostram produtos fáceis de usar, que gastam pouca energia e preparam bons cafés, ainda que alguns saiam com pouca espuma e não tão quentes. Outro aspecto positivo é a segurança: nenhum produto apresentou risco de choque elétrico ou queimaduras.

Outra boa notícia é que todos os modelos testados são fáceis de limpar. A Delta Q Evolution se saiu um pouco a baixo nessa avaliação por não ter especificado como fazer essa operação. Além disso, as máquinas não usam muita energia. O teste apontou um gasto de R$ 0,50 a R$ 1,80 por mês em eletricidade, dependendo do uso.

Na avaliação de velocidade, foram tirados dois expressos e medido o tempo de preparo, contando com o aquecimento da água. Os tempos médios contados para o preparo do primeiro e do segundo café foram um minuto e trinta segundos, respectivamente, dentro do sugerido pela Abic (Associação Brasileira da Indústria do Café).

Quanto à temperatura, apenas a Nespresso C60 foi bem avaliada. A máquina preparou os dois cafés dentro da temperatura adequada (entre 64°C e 70°C). Uma forma de verificar se o café foi bem tirado da máquina é o creme espesso e duradouro que se forma sobre ele. Nesse teste, a Nespresso C60 também foi a melhor avaliada.

Os fabricantes foram contatados pelo InfoMoney, mas não se posicionaram sobre a pesquisa até o momento.

 

Últimas Notícias

Marlúcio antecipa voto e diz que é contra reajuste da tarifa de ônibus
Revolta com Woody Allen cresce à medida que filha reafirma abuso
Ellen Pompeo assina mais duas temporadas de Greys Anatomy por US$ 20 mi ao ano
Brigitte Bardot critica atrizes que provocam para conseguir papel
Filha de Woody Allen reafirma ter sido abusada pelo cineasta em entrevista
Após acusações de filha de Woody Allen, Hollywood se afasta do diretor
Após 950 anos, França irá emprestar Tapeçaria de Bayeux ao Reino Unido
Veja como é o teste que Trump fez para detectar distúrbios cognitivos

MAIS NOTICIAS

 

Tantas pontuações já não significam nada, afirma premiado chef francês
 
 
Leonardo DiCaprio protagonizará filme de Tarantino sobre Charles Manson
 
 
DiCaprio vai estrelar filme de Tarantino sobre assassinatos de Charles Manson
 
 
Palestinos buscam dar uma resposta a Trump sobre Jerusalém
 
 
Países e organizações indignados com Trump por declarações racistas
 
 
Oliver Stone assina petição para que Lula possa disputar eleição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212