Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Trump volta a pedir mais rigor no acesso aos EUA após atentados na Espanha - Jornal Brasil em Folhas
Trump volta a pedir mais rigor no acesso aos EUA após atentados na Espanha


Após o atentado terrorista em Barcelona, na Espanha, o presidente Donald Trump voltou a pedir hoje (18) que os tribunais norte-americanos retirem as obstruções que impedem o pleno vigor do decreto que veta temporariamente a entrada nos Estados Unidos de pessoas provenientes de seis países de maioria muçulmana: Líbia, Sudão, Somália, Síria, Irã e Iêmen.

Trump afirmou que os EUA condenam o ataque terrorista e farão “o que for necessário para ajudar. Sejam fortes, nós amamos vocês! ”, escreveu no twitter.

Também pelo twitter, Trump afirmou que o terrorismo radical islâmico deve ser interrompido por qualquer meio. “Os tribunais devem nos devolver nossos direitos de proteção”, afirmou. Ele também acusou os democratas de tornar a segurança difícil para os Estados Unidos. “Eles usam os tribunais e as obstruções associadas em todos os momentos. Isso deve parar!”, escreveu.

Suprema Corte limita

No final de Junho, a Suprema Corte autorizou que o decreto que proíbe a entrada de pessoas desses países de maioria muçulmana entrasse em vigor, porém de maneira limitada. A interpretação da Corte é de que o decreto não se aplica aos cidadãos com vistos previamente emitidos e, além disso, que o critério para autorização da entrada seria uma “prova de boa-fé”, como, por exemplo, o viajante ter algum parente residente dos EUA ou algum tipo de relação.

A proibição por 90 dias está em vigor “para estrangeiros que não possuem nenhum relacionamento de boa-fé com uma pessoa ou entidade nos Estados Unidos”. Também está vetada desde junho a entrada de refugiados pelo mesmo período.

 

Últimas Notícias

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas
MP facilita registro de empresas nas juntas comerciais
Mudança em servidor foi a causa de instabilidade ontem, diz Facebook
Corte de pessoal gera economia de R$ 200 milhões, afirma presidente
TCU pede informações antes de decidir sobre leilão de ferrovia
Leilão de aeroportos testa novo modelo em blocos
Pretendentes já ofertaram R$ 2,3 bi no leilão de aeroportos
Aeroportos foram arrematados com ágio médio de 986%

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212