Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Popularidade de Macron despenca e chega a 40% em agosto - Jornal Brasil em Folhas
Popularidade de Macron despenca e chega a 40% em agosto


A popularidade do presidente francês, Emmanuel Macron, desabou em agosto, a 40%, o que representa uma queda de 14 pontos em um mês - revelou uma pesquisa do Ifop publicada no domingo pelo semanário Journal du Dimanche (JDD).

O chefe de Estado perdeu 22 pontos de popularidade desde a primeira enquete realizada pelo Ifop para o semanário há três meses, logo após sua eleição.

Seu primeiro-ministro, Edouard Philippe, seguiu a mesma tendência e perdeu nove pontos no mês, passando de 56% para 47%.

No mesmo momento de seu mandato, seu antecessor, o socialista François Hollande, marcava 54% em 2012. Seu antecessor, o conservador Nicolas Sarkozy, era ainda mais popular, com 67% de apoio em 2007.

Em agosto, férias de verão na França, 36% dos entrevistados se declararam "mais ou menos satisfeitos", um indicador que caiu 11 pontos. Já 4% se declararam "muito satisfeitos", uma redução de 3 pontos.

O total de desaprovação pulou de 43% para 57%, distribuindo-se entre a categoria "mais ou menos insatisfeito" (37%, com uma alta de nove pontos) e "muito insatisfeito" (20%, cinco pontos).

Nessa sondagem, feita on-line e por telefone, o Ifop entrevistou 1.023 pessoas, em 25 e 26 de agosto.

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212