Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 União Europeia registra taxa mais baixa de desemprego desde 2008 - Jornal Brasil em Folhas
União Europeia registra taxa mais baixa de desemprego desde 2008


A taxa de desemprego na União Europeia está em 7,7% e é a mais baixa desde dezembro de 2008, de acordo com os dados publicados hoje (31) pelo Eurostat, o escritório de estatística da União Europeia.

O Eurostat divulga dados tanto da chamada UE28, conjunto dos 28 países membros da União Europeia, quanto da chamada EA19, que consiste nos países da zona do euro. As taxas de desemprego nessas áreas foram, respectivamente, de 7,7% e 9,1%, em julho de 2017.

A União Europeia (UE28) inclui Bélgica, Bulgária, República Tcheca, Dinamarca, Alemanha, Estônia, Irlanda, Grécia, Espanha, França, Croácia, Itália, Chipre, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Hungria, Malta, Holanda, Áustria, Polônia, Portugal, Romênia, Eslovênia, Eslováquia, Finlândia, Suécia e Reino Unido.

Já a área do euro (EA19) inclui Bélgica, Alemanha, Estônia, Irlanda, Grécia, Espanha, França, Itália, Chipre, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Áustria, Portugal, Eslovênia, Eslováquia e Finlândia.

Entre os estados-membros, as taxas de desemprego mais baixas em julho de 2017 foram registradas na República Tcheca (2,9%), Alemanha (3,7%) e Malta (4,1%). As maiores taxas de desemprego foram observadas na Grécia (21,7%) e Espanha (17,1%).

Na comparação com o ano anterior, a taxa de desemprego caiu em todos os estados-membros, exceto na Finlândia, que permaneceu estável. As maiores quedas no desemprego foram registradas na Croácia (de 13,2% para 10,6%), Espanha (de 19,6% para 17,1%), Eslováquia (de 9,7% para 7,3%) e Chipre (de 13% para 10,8%).

O Eurostat considera, em suas análises de emprego e desemprego, as pessoas com idades compreendidas entre 15 e 74 anos. Para os cálculos do desemprego juvenil, são consideradas as pessoas com idades entre 15 e 24 anos.

Portugal

A taxa de desemprego em Portugal está em 9,1% e é a mais baixa desde novembro de 2008 (8,9%), de acordo com os dados publicados ontem (30) pelo Instituto Nacional de Estatística de Portugal (INE).

A estimativa é referente ao mês de junho de 2017, quando a população desempregada foi estimada em 468,9 mil pessoas.

A população empregada correspondia a 4,68 milhões de pessoas e aumentou em relação a maio de 2017 para as mulheres (0,7%) e para os adultos (0,3%). Em relação aos homens e aos jovens, a taxa aumentou em 0,2% e 0,5%, respectivamente.

A taxa de emprego situou-se em 60,2% - sendo 64,2% para os homens e 56,6% para as mulheres.

Portugal tem, atualmente, 10,3 milhões de habitantes.

Jovens

Em julho de 2017, a taxa de desemprego juvenil foi de 16,9% na UE28 e 19,1% na área do euro. A menor taxa foi observada na Alemanha (6,5%), enquanto as maiores foram registradas na Grécia (44,4%), Espanha (38,6%) e Itália (35,5%).

Em relação aos jovens portugueses, a taxa de desemprego ficou em 23,8% em julho, segundo dados do INE.

Brasil

Influenciada pelo aumento da informalidade no mercado de trabalho, a taxa de desemprego do país caiu 0,8 ponto percentual em relação ao trimestre encerrado em abril e fechou o período maio a julho deste ano em 12,8%.

Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados hoje (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que indica ainda que o país tem 13,3 milhões de desempregados,

A população ocupada do país em julho era de 90,7 milhões de pessoas, aumento de 1,6% em relação ao trimestre encerrado em abril. O dado atual não apresenta alteração em relação ao mesmo trimestre de 2016.

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212