Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Itamaraty divulga nota expressando solidariedade ao povo mexicano após terremoto - Jornal Brasil em Folhas
Itamaraty divulga nota expressando solidariedade ao povo mexicano após terremoto


O governo brasileiro lamentou na noite de hoje (19) com profunda consternação os estragos causados pelo violento terremoto que atingiu nesta terça-feira o México, provocando a morte de mais de uma centena de pessoas. Em nota, o Itamaraty informou nao ter, até o momento, registro de cidadãos brasileiros entre as vítimas. No documento, a diplomacia brasileira transmitiu condolências às famílias das vítimas e expressou solidariedade ao povo e ao governo do México.

Por meio do Consulado-Geral do Brasil no México e da Divisão de Assistência Consular (DAC), em Brasília, o Itamaraty seguirá acompanhando os desdobramentos da tragédia provocada pelo segundo abalo sísmico que atingiu o México em menos de duas semanas.

Para casos de urgência, o Ministério de Relações Exteriores disponibilizou telefones para contato para de brasileiros que estejam enfrentando dificuldade. O telefone de plantão do Consulado-Geral do Brasil no México é: 044 55 3455-3991 (chamadas originando da Cidade do México), 01 55 3455-3991 (chamadas originando do interior do México) e (00xx) 52 1 55 3455-3991 (chamadas originando do Brasil).

Alem disso, o Núcleo de Assistência a Brasileiros do Itamaraty, em Brasília, poderá ser acionado pelo e-mail [email protected] e, também, pelos telefones +55 61 2030 8803/8804 (das 8h às 20h) e + 55 61-98197-2284 (Plantão Consular, das 20h às 8h).

Terremoto

Às 13h14 no horário local (15h14 em Brasília), um terremoto de magnitude 7 que sacudiu a região central do México, com epicentro nos arredores da cidade de Axochiapan, no estado de Morelos.

Segundo autoridades mexicanas, mais de 119 pessoas morreram devido ao abalo sísmico. As mortes foram registradas nos estados de Morelos - epicentro do tremor -, México, Puebla e na capital do país, cujo prefeito, Miguel Ángel Mancera, disse morreram 30 pessoas e 44 edifícios desabaram.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212