Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


17 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 JP Morgan eleva recomendação de ação estagnada desde “Friboigate” - Jornal Brasil em Folhas
JP Morgan eleva recomendação de ação estagnada desde “Friboigate”


SÃO PAULO – A equipe de análise do JP Morgan elevou a recomendação para as ações do Banco do Brasil (BBAS3) de neutra para compra e aumentou o preço-alvo de R$ 37 para R$ 40 ao fim de 2018. O valor está 15,1% acima do fechamento de quarta-feira (20).

A atualização reflete o baixo desempenho do ativo desde o sell-off em maio de 2017 e a atualização da estratégia do JP Morgan para o Brasil, além da melhoria geral dos dados econômicos acima do esperado, conforme visto nos índices de atividade econômica.

Também colaboraram para essa visão mais otimista sobre os papéis a melhoria contínua de novos empréstimos para pessoas físicas, a estabilização do ICVA (Índice Cielo e Varejo Ampliado) e a menor inflação.

“Notavelmente, acreditamos que o Banco do Brasil funciona bem com a visão construtiva do JP Morgan sobre o Brasil. O Banco do Brasil está negociando em 7,8x 2018EP/E, com um desconto implícito de 33% para a média do Itaú e do Bradesco”, afirma o time de analistas do JP Morgan.

Os analistas destacam que a ação do Banco do Brasil tem mostrado performance inferior aos seus pares desde 16 de maio, quando foi divulgada a conversa do presidente Michel Temer com o dono da JBS, Joesley Batista.

“As ações estão estagnadas desde 16 de maio, evento pré-político, contra a alta de 8% do Itaú, 13% do Bradesco e 11% do Ibovespa”, explicam os analistas, que acreditam a maior alavancagem do banco o deixa mais exposto à melhor qualidade esperada para o crédito daqui em diante.

Dado o baixo desempenho das ações do Banco do Brasil no período recente, o JP Morgan avalia que o ativo pode ser uma boa e descontada opção de investimento e, agora, passa a figurar na lista de favoritos no Brasil, junto com B3 (BVMF3), Itaúsa (ITSA4) e IRB (IRBR3).

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

Volume de vendas do varejo cai 1,3% em setembro
 
 
Gilmar Mendes suspende decisão que obriga bancos a ressarcir clientes
 
 
Prefeitos e secretários pedem para manter cubanos no Mais Médicos
 
 
Em depoimento, Lula nega que é dono de sítio em Atibaia
 
 
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 33 milhões no próximo sorteio
 
 
Enem: estudantes fazem hoje prova de matemática e ciências da natureza

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212