Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Sinal analógico será desligado em Fortaleza e 14 municípios da região - Jornal Brasil em Folhas
Sinal analógico será desligado em Fortaleza e 14 municípios da região


O sinal analógico de televisão será desligado hoje (27), a partir das 23h45, em Fortaleza e 14 municípios da região. Com isso, a população dessas cidades vai contar apenas com a transmissão digital dos canais abertos.

A data para o desligamento do sinal analógico (antes programado para 26 de julho) foi mantida após pesquisa divulgada na segunda-feira (25) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que confirmou a recepção do sinal digital em 92% dos domicílios dos 15 municípios.

Isso significa que boa parte da população tem aparelho de televisão que capta os canais digitais ou adaptou as TVs antigas com um conversor. Só pelo programa de distribuição de kits feito pela Seja Digital, entidade criada para implementar a migração do sinal analógico para o digital, foram entregues cerca de 650 mil conversores e antenas no Ceará.

Por outro lado, a venda de TVs novas teve crescimento de aproximadamente 30%, segundo Marcos Paulo, gerente de uma loja de eletroeletrônicos em Fortaleza. “A procura é grande tanto por televisões que já vêm com o receptor digital como por conversores para instalar em televisões analógicas.”

Muitos dos que ganharam ou optaram por comprar um conversor, resolveram mandar a antiga televisão de tubo para uma revisão. Na assistência técnica onde trabalha o técnico em eletrônica Francisco Teixeira, a procura pelo serviço cresceu 70%. “Esse aumento aconteceu à medida que o preço dos conversores digitais diminuiu e também com a entrega de conversores pelo governo federal.”

A Seja Digital ainda dispõe de pouco mais de 100 kits para serem entregues a famílias do Ceará. A gerente regional da entidade, Vejuse Oliveira, explica que há muitos beneficiários de programas sociais do governo federal que podem receber os aparelhos, mas não sabem que têm esse direito.

O Bolsa Família é o mais divulgado, mas ela explica que são, ao todo, 22 os programas que dão direito ao kit, como Um Milhão de Cisternas e o Benefício de Prestação Continuada (BPC/Loas).

“As ações de agendamento para a retirada de kits, a mobilização e os canais de atendimento vão continuar pelo menos 45 dias após o desligamento do sinal analógico. Só vamos sair daqui quando cem por cento desse público tiver acesso ao sinal digital”. O agendamento pode ser feito pelo site www.sejadigital.com.br ou pelo telefone 147 (ligação gratuita). A pessoa precisa ter em mãos o número do CPF ou do NIS.

A programação de desligamento do sinal analógico incluía, inicialmente, as regiões de Sobral e Juazeiro do Norte, em um total de nove cidades. No entanto, o cronograma foi adiado para fevereiro de 2018. Segundo Vejuse, isso ocorreu porque as emissoras locais não conseguiram migrar suas transmissões para o digital a tempo.

Nos demais 160 municípios do Ceará, o sinal analógico será desligado até 2023. Mesmo assim, o sinal digital já está disponível para essas cidades.

 

Últimas Notícias

Instituições financeiras reduzem previsão de déficit primário em 2018
Valor do seguro obrigatório cairá 63,3% em 2019
Eletrobras: suspensão de leilão se estende a Amazonas Energia
BNDES voltará a subscrever ações de empresas
Juros do cheque e empréstimo pessoal em 2018 foram menores que em 2017
São Paulo fecha ano com 9,9 milhões de empregos formais no comércio
Governo libera 100% de capital estrangeiro nas aéreas nacionais
BNDES fecha o ano com desembolsos de R$ 71 bilhões

MAIS NOTICIAS

 

Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 36 milhões
 
 
Câmara aprova incentivos fiscais a Sudene, Sudam e Centro-Oeste
 
 
Governadores discutem hoje segurança pública; Moro deve participar
 
 
Doria diz a Moro que estados precisam de recursos para a segurança
 
 
João de Deus afirma estar à disposição da Justiça
 
 
CGU recupera R$ 7,23 bilhões para os cofres públicos este ano

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212