Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Anatel decide não aprovar termo de ajustamento de empresa de telefonia do Paraná - Jornal Brasil em Folhas
Anatel decide não aprovar termo de ajustamento de empresa de telefonia do Paraná


A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) decidiu, por unanimidade, não aprovar a proposta de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) da Sercomtel, empresa de telecomunicações que atende no estado do Paraná. A decisão divulgada hoje (3) foi tomada durante a reunião do conselho diretor da Agência, na última quinta-feira (28).

O processo corre em sigilo e pode resultar na caducidade da concessão do serviço telefônico fixo comutado e da cassação das autorizações para prestar o serviço de comunicação multimídia, o serviço móvel pessoal e o serviço fora das áreas de concessão, segundo a Anatel.

Em maio de 2014, a Sercomtel solicitou à agência reguladora a realização de um termo para resolver o pagamento de multas. Após levantamento e tratativas com a empresa, a Anatel chegou a R$ 14,9 milhões como valor de referência para o TAC. O montante foi calculado a partir de multas aplicadas ou estimadas relativamente aos direitos e garantias dos usuários, fiscalização e universalização e ampliação do acesso.

Como reparação, a Anatel exigia a substituição das multas por investimentos da ordem de R$ 34,3 milhões. Os valores deveriam ser aplicados na “massificação da telefonia fixa (voz) em municípios de pequeno porte no estado do Paraná, na rede celular 3G na área rural e em redes ópticas.

Entretanto, após avaliação inicial, a Anatel apontou “incerteza sobre a capacidade econômico-financeira” da concessionária, que enfrenta problemas financeiros para cumprir com as obrigações previstas no acordo, além de inexistência de atendimento ao princípio da eficiência, conforme determina o regramento da agência reguladora.

A agência concluiu que a Sercomtel não teria condições de arcar com os compromissos propostos no TAC, em razão dos impactos de curto prazo decorrentes de investimentos e despesas operacionais. A Anatel destacou que a viabilização do cumprimento dos compromissos ocorreria “somente em um cenário de concretização de seu plano de recuperação e com a existência novos aportes financeiros de seus sócios”, o que não ocorreu ainda.

 

Últimas Notícias

Atos em Brasília marcam os 50 anos da Receita Federal
Temer pede que brasileiros reflitam sobre questão racial
Grafiteira faz mural de 500 m2 no Rio para homenagear mulheres negras
Dia da Consciência Negra é comemorado no Rio com homenagem a Zumbi
Estados poderão decidir se darão aulas a distância no ensino médio
Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ
Estudante poderá escolher área a ser avaliada no segundo dia do Enem
PF prende suspeitos de ligações com facções criminosas em sete estados

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212