Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Temer determina auxílio aos afetados pelo ataque à creche em Janaúba - Jornal Brasil em Folhas
Temer determina auxílio aos afetados pelo ataque à creche em Janaúba


O presidente da República, Michel Temer, pediu aos ministros da Saúde, Ricardo Barros, e da Educação, Mendonça Filho, esforços no auxílio aos afetados pela tragédia em Janaúba (MG). Para Mendonça Filho, Temer pediu esforços para auxiliar na reforma da creche Gente Inocente. A ideia é liberar recursos para ajudar na reativação da creche.

Já para o ministro da Saúde, Temer pediu auxílio ao Hospital João XXIII, em Belo Horizonte. O hospital é referência no atendimento a queimados e recebe vítimas da tragédia em Janaúba. O presidente pediu que fossem providenciados equipamentos para otimizar o atendimento no João XXIII. Ele também pediu atenção do ministro aos hospitais em Janaúba que também atendem vítimas da tragédia.

Tragédia

Na manhã da última quinta-feira (5), o vigia Damião Soares dos Santos, de 50 anos, entrou na creche, onde trabalhava, e ateou fogo em crianças e nele mesmo. O vigia também morreu, assim como a professora Heley Abreu Batista, de 43 anos, que tentou impedi-lo fisicamente e ajudou no resgate de crianças. Até o momento, nove crianças morreram, além da professora e de Damião. Dezenas de pessoas ficaram feridas no ataque.

Segundo o prefeito do município mineiro, Carlos Isaildon Mendes, existe um plano em andamento para reformar a creche. À Agência Brasil, o prefeito informou que um grupo de empresários da região de Montes Claros e Janaúba se prontificou a fazer a reforma da creche. O prazo estimado para reinauguração da creche, segundo o prefeito, é de 80 dias.

Ontem (8), Temer concedeu a Ordem Nacional do Mérito a Heley Batista. A honraria foi concedida em homenagem ao ato de heroísmo da professora. “Este é o caso da professora Heley Batista, que sacrificou sua própria vida para salvar a vida de seus alunos, em um gesto de coragem e de heroísmo que emocionou a todos”, diz uma nota divulgada pelo Palácio do Planalto.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212