Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Petróleo sobre em Nova York e Londres após discurso de Trump - Jornal Brasil em Folhas
Petróleo sobre em Nova York e Londres após discurso de Trump


O petróleo subiu, nesta sexta-feira (13) em Nova York e Londres, após um discurso do presidente americano, Donald Trump, contra o Irã, que afirmou ser uma ameaça nuclear e promotor do terrorismo.

O barril de light sweet crude (WTI) para novembro avançou 85 centavos e fechou em 51,45 dólares no New York Mercantile Exchange (Nymex).

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte para entrega em dezembro fechou a 57,17 dólares após avançar 92 centavos.

Os investidores ajustaram suas compras de sexta levando em conta o risco geopolítico, mas os anúncios de Trump já eram bastante previstos pelo mercado, avaliou Gene McGillian da Tradition Energy.

Trump pediu ao Congresso para endurecer o acordo internacional que busca evitar o desenvolvimento nuclear com fins bélicos do Irã, mas também disse que os Estados Unidos não vão se retirar do acordo.

Nem hoje, nem amanhã, nem daqui a três meses o discurso terá impacto na produção iraniana do petróleo. Contudo, pode pesar nos investimentos, estimou Robert Yawger da Mizuho Securities.

Os preços também foram sustentados pelo aumento das importações em setembro na China, a 9 milhões de barris por dia. Essa quantidade é a segunda maior da história da China, disse Yawger, que acrescentou que isso é um aporte à restauração da demanda mundial.

Esse dado foi somado a um informe da Opep divulgado nesta quarta-feira no qual revisou para cima a perspectiva da demanda de petróleo.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212