Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Identificado suspeito de envolvimento na morte de comandante de batalhão da PM - Jornal Brasil em Folhas
Identificado suspeito de envolvimento na morte de comandante de batalhão da PM


O Portal dos Procurados do Disque Denúncia divulgou hoje (27) cartaz oferecendo recompensa de R$ 5 mil por informações que levem à prisão de Matheus do Espírito Santo Severiano, de 22 anos. Ele é um dos suspeitos de envolvimento na morte do coronel Luiz Gustavo Lima Teixeira, de 48 anos, comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar (PM), no Méier, durante um arrastão feito por criminosos na esquina das ruas Lins de Vasconcelos e Hermengarda.

O coronel Luiz Gustavo estava dentro de uma viatura descaracterizada da corporação e foi morto quando voltava da crimônia de troca de comando no batalhão da PM do Leblon.

Um carro que vinha na frente da viatura parou no meio da via. Depois, os bandidos desembarcaram para iniciar um arrastão. Houve tiroteio, o oficial levou um tiro de pistola no peito e o motorista, o cabo Nei Vilar Filho, foi atingido na perna. Mesmo ferido, o cabo trocou tiros com os criminosos e reconheceu Matheus Severiano, dizendo que o havia atingido. Com apoio de comparsas, o assaltante conseguiu fugir de motocicleta. Do arrastão teriam participado pelo menos quatro homens.

O coronel Teixeira chegou a ser levado para o Hospital Municipal Salgado Filho, mas já morreu antes de ser socorrido. Há 26 anos na PM e quase dois à frente do 3° Batalhão, Teixeira deixa mulher e dois filhos.

As informações sobre a localização do suspeito devem ser encaminhadas por WhatsApp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; à Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; pelo Facebook/(inbox), ou pelo aplicativo Disque Denúncia RJ.

Operação

Desde hoje cedo (27) a PM fez uma grande operação no Complexo do Lins, na tentativa de localizar e prender os envolvidos na tentativa de roubo que provocou a morte do coronel Teixeira e deixou o motorista Nei Vilar Filho ferido na perna, embora sem gravidade.

Até o momento, houve 12 prisões, sendo oito com mandado de prisão em aberto e apreensão de 10 motos, um carro, um carregador de pistola automática, 19 galões de cheirinho da loló, 681 trouxinhas de maconha, 244 cápsulas de cocaína, 181 pedras de crack e seis lança perfume, além de recuperação de duas motos roubadas.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212