Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Crescimento da Bolívia desacelera com baixa demanda de gás do Brasil - Jornal Brasil em Folhas
Crescimento da Bolívia desacelera com baixa demanda de gás do Brasil


A Bolívia registrou um crescimento econômico de 3,94% de junho de 2016 a junho de 2017, menor que nos anos anteriores, principalmente pela redução da demanda de gás natural do Brasil, anunciou o governo do país nesta segunda-feira (30).

O Brasil foi nos demandando menos do que normalmente, não é sobre a produção de hidrocarbonetos, é uma questão da demanda do Brasil, disse em coletiva de imprensa o ministro de Economia, Mario Guillén, que anunciou os dados macroeconômicos. Contudo, trata-se de uma das melhores cifras de crescimento comparada com as projeções para seus vizinhos na região.

Baseado em dados oficiais da petroleira estatal YPFB, ele explicou que a demanda brasileira em alguns meses flutuou entre 14,5 milhões e 17,5 milhões de metros cúbicos diários (mmcd) de gás, até voltar aos habituais 26 mmcd. A demanda Argentina se manteve estável.

Segundo Guillén, o crescimento de 12 meses, de junho de 2016 a junho deste ano, é de 3,94%. A Bolívia cresceu 4,9% em 2012; 6,2% em 2013; 5,9% em 2014; 5,3% em 2015; e 4,4% em 2016.

Além disso, de acordo com o ministro, antecipamos que vamos terminar o ano com um crescimento de mais de 4%, mas não irá exceder 4,5% - o que permite aos trabalhadores bolivianos acessar um bônus duplo em dezembro.

A dupla remuneração foi cumprida em 2013, 2014 e 2015, após a entrada em vigor de um decreto do presidente Evo Morales.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212