Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Jan de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Soldado americano acusado de deserção no Afeganistão evita prisão - Jornal Brasil em Folhas
Soldado americano acusado de deserção no Afeganistão evita prisão


Um juiz militar decidiu nesta sexta-feira (3) que o sargento americano Bowe Bergdahl, que abandonou seu posto no Afeganistão e foi capturado pelos insurgentes talibãs por cinco anos, não cumprirá pena de prisão.

O magistrado militar, o coronel Jeffery Nance, ordenou a baixa desonrosa de Bergdahl, de 31 anos, que foi rebaixado a soldado, e o pagamento de uma multa de US$ 10.000, segundo o Pentágono.

Bergdahl, julgado em Fort Bragg, Carolina do Norte, corria o risco de ser condenado à prisão perpétua depois de se declarar culpado das acusações de deserção e de colocar seus camaradas de armas em risco.

A decisão não agradou o presidente Donald Trump, que durante a última campanha eleitoral disse que Bergdahl deveria ser condenado à morte por ter abandonado seu posto em uma zona de guerra.

A decisão sobre o sargento Bergdahl é uma completa e total desonra para o nosso País e os nossos Militares, escreveu Trump em um tuíte enviado do avião presidencial Air Force One em sua viagem à Ásia.

Depois de conquistar a presidência, Trump garantiu que iria revisar o caso e chamou o sargento de um traidor sujo e podre.

Nance havia dito na semana passada que os repetidos comentários de Trump sobre o caso poderiam mitigar a sentença.

Bergdahl foi capturado pelos talibãs depois de ter abandonado sua posição perto da fronteira com o Paquistão em 30 de junho de 2009. Ele foi mantido refém durante cinco anos até que o governo americano concordou em trocá-lo por cinco talibãs detidos em Guantánamo.

O caso inflamou as divisões políticas sobre a guerra no Afeganistão: enquanto alguns consideram que Bergdahl foi vítima do conflito de 16 anos, outros o classificam como desertor, cuja ação provocou sérios ferimentos a camaradas de armas que saíram em missão para encontrá-lo.

 

Últimas Notícias

Marlúcio antecipa voto e diz que é contra reajuste da tarifa de ônibus
Revolta com Woody Allen cresce à medida que filha reafirma abuso
Ellen Pompeo assina mais duas temporadas de Greys Anatomy por US$ 20 mi ao ano
Brigitte Bardot critica atrizes que provocam para conseguir papel
Filha de Woody Allen reafirma ter sido abusada pelo cineasta em entrevista
Após acusações de filha de Woody Allen, Hollywood se afasta do diretor
Após 950 anos, França irá emprestar Tapeçaria de Bayeux ao Reino Unido
Veja como é o teste que Trump fez para detectar distúrbios cognitivos

MAIS NOTICIAS

 

Tantas pontuações já não significam nada, afirma premiado chef francês
 
 
Leonardo DiCaprio protagonizará filme de Tarantino sobre Charles Manson
 
 
DiCaprio vai estrelar filme de Tarantino sobre assassinatos de Charles Manson
 
 
Palestinos buscam dar uma resposta a Trump sobre Jerusalém
 
 
Países e organizações indignados com Trump por declarações racistas
 
 
Oliver Stone assina petição para que Lula possa disputar eleição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212