Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Banksy organiza cerimônia na Cisjordânia para pedir perdão por declaração Balfour - Jornal Brasil em Folhas
Banksy organiza cerimônia na Cisjordânia para pedir perdão por declaração Balfour


O artista britânico Banksy organizou, nesta quarta-feira, na Cisjordânia, uma cerimônia de perdão, coincidindo com o centenário da declaração Balfour, que abriu caminho para a criação do Estado de Israel.

Em março, Banksy inaugurou perto de Belém um hotel chamado Walled-Off cujos quartos dão diretamente para o muro de separação com a Cisjordânia construído por Israel.

O evento do artista, cuja identidade é desconhecida e que supostamente não esteve presente no local nesta quarta-feira, foi surrealista e sarcástico.

Cerca de 50 crianças palestinas foram recebidas no local para tomar chá com um ator fantasiado de rainha da Inglaterra. Atrás dele, em uma parte do muro de separação, estava escrito Sorry (desculpas) junto com as letras Er, uma referência às iniciais da rainha.

Na quinta-feira será o aniversário de 100 anos da declaração Balfour, na qual o governo britânico disse ser favorável ao estabelecimento de um lar nacional para o povo judeu na Palestina.

Israel comemora o centenário deste ato, que prefigurou a criação do estado hebraico em 1948 e estimulou os judeus a emigrarem para a terra de seus ancestrais.

Os palestinos consideram que o texto foi o princípio de uma catástrofe que obrigou milhares de palestinos a abandonarem suas casas durante a guerra, e que permanece hoje com a ocupação dos territórios palestinos.

Este conflito provocou muito sofrimento a ambas as partes. Não acho que seja apropriado comemorar o papel britânico no conflito, disse Banksy em um comunicado.

O governo de Londres quer comemorar com orgulho o centenário na quinta-feira na presença do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, que foi convidado para jantar em Londres com sua homóloga britânica, Theresa May.

 

Últimas Notícias

Submarino argentino é encontrado um ano e um dia após desaparecimento
Parlamento cubano rejeita resolução da Eurocâmara sobre direitos human
Incêndio da Califórnia registra 74 mortos e mais de mil desaparecidos
Livro mistura suspense e fantasia em reflexão sobre violência no país
EBC e Fundação Getulio Vargas firmam acordo para revitalizar acervo
Trabalho de escoramento em viaduto paulistano prossegue neste sábado
Belo Horizonte tem previsão de mais chuva; temporais já mataram quatro
Prefeito de Mariana diz que não desistirá de ação no Reino Unido

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212