Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Nov de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Lucros trimestrais do Facebook aumentam 79% a US$ 4,7 bilhões - Jornal Brasil em Folhas
Lucros trimestrais do Facebook aumentam 79% a US$ 4,7 bilhões


O Facebook reportou nesta quarta-feira (1) um aumento de benefícios trimestrais de 79%, motivado pelo auge de seus anúncios on-line, superando o esperado pelos investidores, e fortaleceu suas ações, já valorizadas.

A rede social informou que seus ganhos líquidos foram de 4,7 bilhões de dólares no trimestre que terminou em 30 de setembro contra 2,6 bilhões de dólares no mesmo período do ano passado.

Seu diretor-executivo, Mark Zuckerberg, aproveitou para reafirmar o objetivo do Facebook em deter os abusos na Internet. Realmente estamos evitando abusos em nossas plataformas, disse.

O volume de negócios também foi melhor que o esperado e subiu 47% a 10,3 bilhões de dólares. Os analistas esperavam US$ 9,84 bilhões.

Apenas foram divulgados os dados, a ação do Facebook subiu 1,17% a 184,80 dólares.

Como sempre, os ganhos foram quase todos provenientes de publicidade e subiram 49% a 10,14 bilhões de dólares. Particularmente, os lucros com anúncios em dispositivos móveis representaram 88% do total, após subir 84% contra o mesmo trimestre do ano passado.

A quantidade de usuários mensais ativos subiu 16% a 2,070 bilhões.

As despesas chegaram a 5,2 bilhões de dólares.

O número de funcionários aumentou 47% a 23.165 pessoas em 30 de setembro.

Nossa comunidade continua crescendo e nossas atividades são boas, disse Zuckerberg, citado no comunicado com os resultados.

O chefão do Facebook informou que o site de relacionamentos tem levado muito a sério a implementação de medidas para abusos.

Realmente investimos em segurança, o que terá efeito em nossa rentabilidade, disse Zuckerberg. Proteger nossa comunidade é mais importante do que fazer aumentar os benefícios, afirmou.

O Facebook está sob fogo cerrado da crítica por supostamente ter servido de plataforma para as notícias falsas durante a campanha às eleições presidenciais americanas do ano passado.

Seus encarregados jurídicos, os mesmos que os de Google e Twitter, compareceram na quarta-feira ante Comissões do Congresso que investigam a suposta ingerência russa na campanha presidencial americana em 2016.

O Facebook anunciou medidas, entre elas contratar milhares de pessoas para enfrentar os conteúdos problemáticos.

 

Últimas Notícias

Prefeitas goianas prestam homenagem ao governador em agradecimento pela parceria administrativa
Instituto de Identificação vai entregar carteira de identidade em 30 dias na capital
Nota Goiana inscreve até domingo para sorteio deste mês
IMB/Segplan e IBGE divulgam PIB de Goiás
Goiás sem Fronteiras promove última reunião com pais e alunos antes da viagem de jovens para os EUA
Crer e HDS inscrevem para programa de aperfeiçoamento
Procon Goiás e Sefaz fazem operação conjunta em postos de combustível
Supremo voltará a julgar restrição ao foro privilegiado no dia 23 de novembro

MAIS NOTICIAS

 

Estado entrega mais de 100 moradias em Mara Rosa e Cheque Mais Moradia para Amaralina e Bonópolis
 
 
Câmara aprova mais 81 municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo na Sudene
 
 
Disputa entre taxistas e motoristas de aplicativos agora vai para a Câmara
 
 
Temer volta a Brasília e deve retomar agenda de trabalho no Planalto
 
 
Ministro da Justiça confirma críticas à segurança do estado do Rio
 
 
Banco Safra pagará US$ 10 milhões por movimentar dinheiro desviado por Maluf

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212