Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


13 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Apreensão de munições a caminho do Rio de Janeiro sobe quase 500% - Jornal Brasil em Folhas
Apreensão de munições a caminho do Rio de Janeiro sobe quase 500%


Um total de 73.076 unidades de munições para armas de fogo a caminho do estado do Rio de Janeiro foi apreendido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em 113 dias da Operação Égide, iniciada em 10 de julho em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). O balanço é referente até 31 de outubro e foi divulgado hoje (3) pelo Ministério da Justiça.

O aumento da fiscalização é uma estratégia para combater o crime organizado no estado, dentro do Plano Nacional de Segurança Pública, e ocorreu nas vias federais que vão das fronteiras do país até o estado do Rio de Janeiro, apreendendo um número 488% vezes maior de munição para revólveres, pistolas, metralhadoras e fuzis do que no mesmo período de 2016, quando a PRF havia interceptado 12.412 unidades. No mesmo período de 2015 foram apreendidas 6.435 unidades, o que representa um aumento de 1.035,6% em relação a 2017.

Durante a operação, foram apreendidas 3.255 munições nas rodovias federais dos estados de fronteira (Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul), 53.840 nos grandes corredores rodoviários (Goiás, São Paulo e Minas Gerais) e 15.981 no estado do Rio de Janeiro.

As apreensões de armas de fogo e drogas ilegais, a prisão de acusados e a recuperação de veículos também aumentou, mas os números ainda não foram divulgados pela PRF. De acordo com o Ministério da Justiça, a ação visa “inibir os meios logísticos de grandes quadrilhas”, além de “buscar a fonte de dinheiro” do crime organizado.

Também participam das ações a Força Nacional de Segurança Pública e a Polícia Federal, especialmente nas cidades do Rio de Janeiro (RJ) e de Foz do Iguaçu (PR), além da colaboração das Forças Armadas, da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e das policias estaduais.

 

Últimas Notícias

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017
IBGE prevê em 2019 safra de grãos 0,2% menor que a de 2018
Safra de grãos pode chegar a 238,3 milhões de toneladas, diz Conab
Banco do Brasil tem lucro de 14,3% no terceiro trimestre
Percentual de inadimplentes recua em outubro, diz CNC
Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco
Leonardo de Morais toma posse na presidência da Anatel
Natal deve movimentar R$ 53,5 bilhões na economia do país, prevê SPC

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212