Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Jan de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Festival internacional de fanfarras toma as ruas do Rio até o próximo domingo - Jornal Brasil em Folhas
Festival internacional de fanfarras toma as ruas do Rio até o próximo domingo


Começa hoje (1º) no Rio de Janeiro o Honk Rio, maior festival de fanfarras e música de rua do Brasil. Essa é a terceira edição realizada no país do evento criado há 11 anos em Boston, nos Estados Unidos, que acontece atualmente também nas cidades de Nova York, Providence, Seattle e Austin, além das edições da Austrália e do Brasil.

Nesta edição, 27 grupos de fanfarras, dos quais quatro estrangeiros oriundos da Costa Rica e Argentina, cinco de São Paulo, Distrito Federal, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, e o restante do Rio de Janeiro, tomarão as ruas da capital fluminense até o próximo domingo (5). As apresentações são sempre gratuitas para a população. O 3º Honk Rio marca também a estreia do evento em São Paulo, nos próximos dias 10, 11 e 12.

“Além de trazer música e cultura diferentes das nossas, a gente tem muito a aprender com as bandas de fora”, afirmou uma das coordenadoras do festival, Luane Aires, à Agência Brasil. O Honk Rio é um festival independente e colaborativo, que se destaca por tomar as ruas com arte, de forma gratuita, salientou Luane. Como no Honk! norte-americano, a produção é feita pelos músicos e todos trabalham sem receber cachês, de forma independente e voluntária.

O festival é permeado por “princípios de direitos humanos, justiça social, ecologia e uma sociedade ativa e participativa”, segundo Juliano Barbosa Pires, também coordenador do Honk Rio, que afirmou que o festival tem o objetivo de melhorar a cidade e integrar as pessoas.

Homenagem

A abertura do festival acontece hoje (1º) à noite na Fundição Progresso, na Lapa, bairro boêmio no centro do Rio, com uma roda de conversa, seguida de homenagem à primeira fanfarra surgida na cidade em 2005, o grupo Songoro Cosongo, formado por músicos de diversos países da América do Sul, cuja marca é a variedade de ritmos latinos. O último show do grupo ocorreu em 2015. “Todas as bandas do Rio de Janeiro vêm um pouco dessa escola”, ressaltou Luane, que a acrescentou que é grande a presença de instrumentos de sopro entre os grupos nas ruas da cidade, “mais que de percussão”.

Os fundadores do festival Honk, que são as fanfarras americanas Second Line Social and Pleasure Society, se apresentarão aos cariocas nesta edição. De acordo com informação da organização do evento, as bandas estrangeiras serão recebidas pelos anfitriões Os Siderais, e pelas Damas de Ferro, primeira fanfarra carioca integrada exclusivamente por mulheres, além do grupo Crispy Rio Brass, formado nos subúrbios do Rio, que promete novidades em suas apresentações durante o festival.

Na primeira edição brasileira do festival, em 2015, reuniram-se três fanfarras internacionais e mais de 20 nacionais no Rio de Janeiro. Em 2016, 28 grupos nacionais e estrangeiros tomaram as ruas da cidade.

 

Últimas Notícias

Marlúcio antecipa voto e diz que é contra reajuste da tarifa de ônibus
Revolta com Woody Allen cresce à medida que filha reafirma abuso
Ellen Pompeo assina mais duas temporadas de Greys Anatomy por US$ 20 mi ao ano
Brigitte Bardot critica atrizes que provocam para conseguir papel
Filha de Woody Allen reafirma ter sido abusada pelo cineasta em entrevista
Após acusações de filha de Woody Allen, Hollywood se afasta do diretor
Após 950 anos, França irá emprestar Tapeçaria de Bayeux ao Reino Unido
Veja como é o teste que Trump fez para detectar distúrbios cognitivos

MAIS NOTICIAS

 

Tantas pontuações já não significam nada, afirma premiado chef francês
 
 
Leonardo DiCaprio protagonizará filme de Tarantino sobre Charles Manson
 
 
DiCaprio vai estrelar filme de Tarantino sobre assassinatos de Charles Manson
 
 
Palestinos buscam dar uma resposta a Trump sobre Jerusalém
 
 
Países e organizações indignados com Trump por declarações racistas
 
 
Oliver Stone assina petição para que Lula possa disputar eleição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212