Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Famílias de Trindade recebem escrituras - Jornal Brasil em Folhas
Famílias de Trindade recebem escrituras


Receberam as escrituras de suas casas 168 famílias de quatro bairros de Trindade. Até agora foram beneficiadas um total de 697 famílias na cidade. Desde a criação, em 2011, o programa Casa Legal – Sua Escritura na Mão já entregou 13 mil escrituras em todo o Estado. Outras 45 mil estão sendo preparadas pela Agência Goiana de Habitação (Agehab), responsável pelo programa. Em solenidade da entrega das escrituras, realizada na região leste de Trindade no último sábado, dia 20, o vice-governador e então governador em exercício José Eliton lembrou que o programa é uma das ações do maior programa habitacional em curso no País.

“Ao entregar essas escrituras a famílias que aguardam por décadas, o governo garante não só o documento, mas o direito ao patrimônio, ao direito de transferir aos filhos e, também, que o imóvel seja inclusive usado como garantia em caso da necessidade de alguma transação bancária, como um empréstimo para começar um negócio ou algo que a família entenda como necessário”, disse Eliton.

Segundo ele, o governador Marconi Perillo tem revolucionado as políticas sociais do País criando em Goiás a maior rede de proteção e garantia de direitos. “Ele criou aqui o primeiro programa de transferência de renda, o Renda Cidadã, que de tão importante inspirou o governo federal a criar o Bolsa Família“. Ele afirmou que o Renda Cidadã será retomado em nova etapa a ser anunciada em março.

“Esse é um programa que tem um grande alcance e, com ele, estamos buscando reparar um erro histórico”, acentuou Eliton. Conforme assegurou, o governo vai continuar com a regularização, devendo atender milhares de famílias que aguardam por isso em todos os municípios goianos e ainda preocupando-se em construir novas casas acompanhadas já das respectivas escrituras.
Programa Casa Legal – Sua Escritura na Mão já regularizou 13 mil residências no estado. Foto: André Saddi

Para dona Orlanda Divina Rodrigues, 66 anos, moradora da Rua Flor de Maracujá, no Bairro Dona Iris 2, o documento que o governo entregou a ela representou, conforme disse, “uma verdadeira bênção”. Vivendo com a filha Mara Flávia de Souza, o genro e dois netos na casa que foi construindo ao longo dos últimos 18 anos, dona Orlanda se emocionou ao pegar o documento. “Deus me deu e estou muito feliz, vou poder sossegar, pois agora posso dizer que vivo no que é meu de verdade”, afirma.

Maria Pinto Olímpio, 65 anos, que vive com o esposo e dois filhos, esperava há 16 anos pelo documento da casa onde moram. “A gente morava numa fazenda em Faina, juntou dinheiro e comprou aqui por R$ 3 mil, mas o barraco era desmantelado e a gente arrumou do jeito que pôde”, conta.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212