Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Black Friday: 5 direitos que você tem ao comprar online - Jornal Brasil em Folhas
Black Friday: 5 direitos que você tem ao comprar online


O consumidor tem diversos direitos em compras online que devem ser especialmente observados nesta Black Friday que acontece em 24 de novembro. O Procon-SP fez uma lista com cinco dos principais direitos que o consumidor pode precisar exercer em compras, especialmente aquelas realizadas na sexta-feira.

Confira: 1 - Se a empresa prometeu desconto em determinados produtos, a oferta deve ser cumprida conforme veiculada 2 - O Código de Defesa do Consumidor estabelece o prazo de 30 dias para reclamações sobre problemas aparentes ou de fácil constatação no caso de produtos não duráveis e de 90 dias para itens duráveis, contados a partir de sua verificação. Essa reclamação pode ser feita para o próprio comerciante ou para o fabricante, à escolha do consumidor

Black Friday InfoMoney: sua única chance de comprar nossos cursos com 50% de desconto

3 - Produtos importados adquiridos no Brasil em estabelecimentos devidamente legalizados seguem as mesmas regras dos nacionais 4 - No ato da entrega, só assine o documento de recebimento após examinar o estado da mercadoria. Havendo irregularidades, estas devem ser relacionadas, justificando assim o não recebimento 5 - Nas compras feitas fora do estabelecimento comercial (por telefone, em domicílio, telemarketing, catálogos ou internet), há o prazo de 7 dias para desistir da compra, sem apontar qualquer motivo, contado a partir da aquisição do produto ou de seu recebimento

Antes de realizar suas compras online, o Procon recomenda consulta a lista de sites a serem evitados. As lojas virtuais mencionadas devem ser evitadas, pois tiveram reclamações de consumidores registrada no Procon-SP, foram notificadas, não responderam ou não foram encontradas.

Mutirão O Procon-SP terá um atendimento especial para os consumidores registrarem suas reclamações. O serviço pelo telefone 151 começará às 18h do dia 23, indo até à 1h do dia 24, retornando no mesmo dia, das 6h às 22h (de Brasília).

O atendimento eletrônico será disponibilizado um formulário especial no nosso site para reclamações e denúncias que ficará disponível a partir das 18hs da quinta-feira (23), além do Facebook e Twitter.

Também foi criada a hashtag especial #ProconSPdeOlhonaBlackFriday que os consumidores poderão utilizar para denunciar problemas como maquiagem de desconto – situação em que o fornecedor eleva o preço do produto antes de anunciar a promoção –, cancelamento da compra sem justificativa, preços abusivos de fretes, entre outros que possam ocorrer.

Balanço Black Friday 2016 O plantão montado pelo Procon-SP no ano passado registrou 2.040 atendimentos. Os principais problemas relatados foram pedido cancelado sem justificativa (35,6%), produto/serviço anunciado indisponível (11,8%), mudança de preço ao finalizar a compra (11,5%) e maquiagem do desconto (8,7%).

A empresa mais reclamada foi a Adidas, seguida pelos grupos Pão de Açúcar (Pão de Açúcar / Extra / Pontofrio.com / Casasbahia.com / Casas Bahia / Ponto Frio) e B2W (Americanas.com, Submarino e Shoptime).

 

Últimas Notícias

Chega a 73 o número de mortos em explosão no México; feridos somam 74
Forte terremoto de magnitude 6,7 atinge o Chile
Mais de 150 imigrantes se afogam no Mar Mediterrâneo
Brasil e Europa vão ser interligados por novo cabo submarino
Acordo para mudar nome da Macedônia gera protestos em Atenas
Ghosn está disposto a aceitar qualquer condição para obter fiança
Bombeiros buscam pessoa desaparecida depois de tromba dágua no Rio
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar R$ 38 milhões na quarta-feira

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212