Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Diretor da Agência Europeia de Medicamentos expressa alívio com transferência a Amsterdã - Jornal Brasil em Folhas
Diretor da Agência Europeia de Medicamentos expressa alívio com transferência a Amsterdã


O diretor da Agência Europeia de Medicamentos, obrigada a deixar Londres em razão do Brexit, expressou nesta terça-feira seu alívio ao conhecer sua futura sede, Amsterdã, apesar de lamentar a possível perda de funcionários pela mudança.

Que haja menos incerteza é uma boa notícia, então estamos animados, declarou o diretor executivo da EMA, Guido Rasi, em uma coletiva de imprensa em sua atual sede no distrito financeiro de Londres.

Há um certo alívio porque temos uma decisão, acrescentou.

Na segunda-feira, em Bruxelas, a UE decidiu transferir a EMA para Amsterdã, uma escolha feita entre outras cidades candidatas como Milão e Barcelona, ​​que foi eliminada na primeira rodada de votação.

Rasi não comentou sobre o fracasso da candidatura da capital catalã.

Além disso, a UE decidiu transferir a Autoridade Bancária Europeia (EBA) de Londres para Paris.

Ambas as agências empregam cerca de 1.000 pessoas cada, principalmente pessoal altamente qualificado.

A EMA começará a operar em Amsterdã em 30 de março de 2019, no dia seguinte à data prevista para o Reino Unido deixar a UE.

Amsterdã responde a muitos dos nossos requisitos, disse Rasi, elogiando a excelente conectividade da capital holandesa. Oferece alojamento, hotéis nos arredores e toda a infra-estrutura.

No entanto, Noel Wathion, que organiza a mudança, explicou que a sede fornecida por Amsterdã não poderá acomodar inicialmente todos os funcionários da agência e que uma parte terá que trabalhar temporariamente em escritórios próximos.

Rasi indicou que o estudo mais otimista prevê que 81% dos funcionários aceitarão a transferência. No entanto, vamos perder 200 pessoas, o que significa que teremos que monitorar cuidadosamente quais áreas específicas vamos perder para ter um plano para compensar essas perdas.

A EMA possui farmacêuticos, biólogos, médicos e bioquímicos responsáveis ​​por decidir quais medicamentos podem ser comercializados na UE.

 

Últimas Notícias

Sul e Sudeste se unem e formam consórcio para ações conjuntas
Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
Feiras em São Paulo oferecem oportunidades de intercâmbio no exterior
Treze de 16 docentes relataram casos de agressão na escola de Suzano

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212