Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Hezbollah saúda discurso positivo de Hariri - Jornal Brasil em Folhas
Hezbollah saúda discurso positivo de Hariri


O Hezbollah pró-Irã saudou nesta quinta-feira (23) o retorno do primeiro-ministro Saad Hariri, protegido da Arábia Saudita, ao Líbano, considerando positivas suas afirmações sobre a abertura a um diálogo entre os grupos rivais.

Em 4 de novembro, Hariri causou comoção ao renunciar ao cargo, em Riad, invocando a influência do Irã e do Hezbollah nos assuntos libaneses e sua ingerência nos conflitos da região.

Após uma estadia enigmática na Arábia Saudita, Hariri retornou na terça-feira a Beirute, onde anunciou que suspendia sua renúncia à espera de consultas sobre assuntos difíceis com o movimento armado Hezbollah, força muito importante da política libanesa.

O partido expressa sua grande satisfação frente aos novos feitos políticos, indicou um comunicado do grupo parlamentar do Hezbollah. O retorno do chefe de governo, suas declarações positivas e o processo de consultas deixam entrever a possibilidade de um retorno à normalidade.

Em seu retorno, Hariri pediu para afastar o Líbano dos conflitos no Oriente Médio e adotar uma política de distanciamento, enquanto o Hezbollah está muito comprometido com a guerra na vizinha Síria, ao lado do governo.

A renúncia de Hariri foi interpretada como um novo pulso entre os padrinhos regionais de ambos os grupos rivais no Líbano: a Arábia Saudita sunita e o Irã xiita.

Mal visto por Estados Unidos, Israel e Arábia Saudita, o Hezbollah é o único partido libanês que não entregou suas armas após o fim da guerra civil (1975-1990).

Seu poderoso arsenal é o principal ponto de discórdia entre os setores libaneses, pois os críticos do movimento, acusado de ser um Estado dentro do Estado, consideram que se trata de um meio para impor sua vontade no país.

 

Últimas Notícias

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212