Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


23 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Estado anuncia repasse de R$ 1,6 milhão para Associação de Combate ao Câncer em Goiás - Jornal Brasil em Folhas
Estado anuncia repasse de R$ 1,6 milhão para Associação de Combate ao Câncer em Goiás


O governador do Estado, Marconi Perillo e a presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), Valéria Perillo, foram homenageados na tarde desta quarta-feira, dia 29, pela Associação de Combate ao Câncer em Goiás (ACCG), em evento realizado no auditório do Hospital Araújo Jorge, unidade mantida pela Associação. O objetivo da solenidade foi reconhecer o apoio do governo do Estado às causas da entidade nos últimos anos. Foram também homenageados o vice-governador, José Eliton (representado pelo chefe de gabinete Charle Antônio), o secretário estadual de Saúde, Leonardo Vilela, e o diretor geral da OVG, major Augusto.

Valéria Perillo lembrou que sempre se empenhou para que o governo estadual liberasse recursos para a ACCG “é uma instituição com uma demanda gigantesca de pacientes de câncer, que precisa do apoio de recursos do Estado para salvar vidas”, disse. Ela agradeceu pelo reconhecimento da ACCG ao trabalho da OVG, que tem sido parceira do hospital em diversas ações sociais.

Marconi Perillo anunciou que estava repassando R$ 1,6 milhão à ACCG correspondente a parcelas de convênio firmado com a instituição. Segundo o governador, nos últimos cinco anos o governo estadual repassou quase R$ 28 milhões à Associação, “que realiza um trabalho de grande alcance social no atendimento à população goiana e de todo o Centro-Oeste. O nosso governo sempre foi parceiro da entidade, bem como a Secretaria Estadual de Saúde”, assinalou. “A Associação precisa da nossa ajuda para capacitar pessoas, agregar tecnologia e realizar os procedimentos de tratamento e prevenção do câncer”, frisou.

Contribuições
O presidente da ACCG, Paulo Moacir de Oliveira Campoli, disse que o governo do Estado de Goiás sempre contribuiu com o bom funcionamento da entidade, particularmente no Hospital Araújo Jorge, apoiando institucionalmente e liberando aportes financeiros. De acordo com ele, os convênios firmados entre a ACCG e o governo, através da Secretaria Estadual de Saúde, “representam contribuições muito importantes para que a nossa entidade filantrópica mantivesse o pleno atendimento aos pacientes em tratamento contra o câncer”.

A ajuda financeira do governo do Estado, lembrou o presidente da Associação, foi crucial para ajudar o hospital a superar um momento difícil, a grande crise vivida pela instituição em 2012. Conforme disse, o dinheiro anunciado por Marconi Perillo durante o evento será aplicado na aquisição de medicamentos.

Paulo Moacir destacou que a ajuda financeira do governo do Estado propiciou a conclusão de construções ou melhoramentos gerais na infraestrutura física da ACCG. Um exemplo é o prédio onde hoje funciona a oncologia clínica, que já foi uma casa de apoio, construída com ajuda do governo estadual. Salientou também que o governo também ajudou na manutenção e recuperação de equipamentos.

“Também temos uma valiosa parceria com a OVG, que presta, inegavelmente, um serviço muito relevante à sociedade goiana e faz, há anos, diversos investimentos no Hospital Araújo Jorge”, afirmou Paulo Moacir. A ACCG realizou mais de 1 milhão de procedimentos em 2016 e realizou mais de 165 mil consultas ambulatoriais. O número de pacientes atendidos naquele ano superou os 46 mil e foram feitas mais de 12 mil cirurgias.

 

Últimas Notícias

Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar
Conselho Europeu aceita prorrogar saída do Reino Unido para maio
Brasil e Chile assinarão acordo para troca de informações
Bolsonaro oferece ajuda ao presidente de Moçambique
Prisão de funcionário de Guaidó gera reações de líderes estrangeiros

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212