Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Goiás busca avanços na produção de vinhos finos - Jornal Brasil em Folhas
Goiás busca avanços na produção de vinhos finos


O governador Marconi Perillo abriu o Palácio das Esmeraldas, na noite da quarta-feira, dia 29, o lançamento do vinho Muralha, o primeiro vinho fino tinto fabricado pela vinícola Serra das Galés, fundada na cidade de Paraúna em 2007. Marconi afirmou que, com o vinho Muralha, Goiás se insere definitivamente no mercado da produção de uva e de vinhos. “Com inovação e pesquisa é possível avançar muito mais. Nós, em Goiás, somos capazes de avançar em todas as áreas porque temos coragem e ousadia”, ressaltou.

Ele destacou que o crescimento do polo da vinicultura no Estado vem sendo debatido com empresários e com sua equipe de governo já há algum tempo, e disse ao fundador da Serra das Galés, o médico Sebastião Ferro, que a Secretaria de Desenvolvimento (SED) está à disposição para auxiliá-lo com pesquisas. “O que o Governo de Goiás puder fazer para ajudar no desenvolvimento da vinicultura, faremos”, frisou.

Marconi classificou Sebastião Ferro como empresário com visão de futuro, que deixará um grande legado para as gerações mais novas. “Estou muito feliz e honrado por participar deste momento. Acompanhei desde o início a trajetória do senhor, e é uma alegria enxergar, na sua determinação e ousadia, a busca pelo crescimento de Goiás nessa área da vinificação”, disse, lembrando que a vinícola Serra das Galés produz 600 toneladas de uva por ano. O vinho Muralha foi produzido com as uvas Syrah e Touriga Nacional, trazidas da França e de Portugal, e cultivadas em solo goiano.

Sebastião Ferro agradeceu a Marconi por valorizar e acreditar no potencial do Estado para a vinificação, e por ter aberto as portas do Palácio das Esmeraldas para o lançamento do vinho Muralha. “Estamos muito gratos. Acreditamos que esse vinho vai fazer com que Goiás possa realmente apresentar um produto que vai desbravar Fronteiras. Um produto jamais pensado no Centro Oeste brasileiro”, sublinhou.

O enólogo Flávio Novelo disse que as uvas do Muralha foram cultivadas com a mais alta tecnologia. “Acredito muito nessa região. O Muralha tem aroma de frutas maduras e de baunilha. Aconselharia a todos os meus amigos a tomar esse vinho”, avaliou.

Prefeito de Paraúna, Paulo José Martins ressaltou que o município se orgulha de “um produto com características do nosso povo e da nossa terra. Tenho certeza de que esse produto vai nos levar muito além das divisas do nosso Estado”.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212