Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Entrada de estrangeiros nos EUA cai no primeiro semestre de 2017 - Jornal Brasil em Folhas
Entrada de estrangeiros nos EUA cai no primeiro semestre de 2017


O número de pessoas que entram nos Estados Unidos sem ter cidadania americana nem visto de residência caiu 3,9% no primeiro semestre deste ano, segundo dados publicados nesta quarta-feira (29).

Os dados, que reúnem as entradas no território americano sob o sistema I-94 (isenção de visto), apontam que 33,86 milhões de estrangeiros cruzaram as fronteiras aéreas, terrestres e portuárias dos Estados Unidos, o que representa uma queda de 3,9% em relação ao mesmo período do ano passado.

O número de chegadas a partir do Canadá aumentou 4,8%, enquanto as viagens com origem no México diminuíram 9,4%, segundo as estatísticas publicadas pela Administração de Comércio Internacional (ITA) e pelo Escritório Nacional de Turismo e Viagens (NTTO).

O presidente Donald Trump quer construir um muro entre o México e os Estados Unidos para frear a imigração ilegal, e as relações entre os dois países se complicaram significativamente desde sua chegada à Casa Branca, em janeiro passado.

Em relação aos visitantes com origem na Europa, a queda é de 2,6%, e no resto do mundo, de 5,7%.

As entradas de cidadãos provenientes da França aumentaram 1,5%, mas as de estrangeiros com origem no Reino Unido caíram 6,2%, e na Rússia, 28,2%.

A diminuição é particularmente acentuada em relação ao Oriente Médio (-29,8%) e à África (-27%).

Em setembro, o governo de Trump proibiu de forma permanente a entrada em território americano de cidadãos de seis países do Oriente Médio e da África (Iêmen, Síria, Líbia, Irã, Somália, Chade), além da Coreia do Norte. Esta decisão está sendo apelada na justiça.

As novas medidas de segurança também obrigam as pessoas que viajam a partir de alguns países do Oriente Médio a não levarem aparelhos eletrônicos na cabine do avião.

Em fevereiro, pouco depois da assinatura do primeiro decreto anti-imigração de Trump, as reservas de viagens para os Estados Unidos já tinham começado a diminuir.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212