Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


09 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 EBC e China Central Television renovam acordo para troca de conteúdos - Jornal Brasil em Folhas
EBC e China Central Television renovam acordo para troca de conteúdos


A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e a China Central Television (CCTV) renovaram hoje (4) acordo de cooperação para intercâmbio de conteúdos audiovisuais e coprodução de programas. Participaram da cerimônia de assinatura o diretor-presidente da EBC, Laerte Rimoli, a diretora de Produção e Conteúdo, Cida Fontes, e o vice-presidente da estatal chinesa, Huang Chuanfang.

O objetivo do acordo é estabelecer mecanismo de cooperação que compreenderá troca de material audiovisual, compartilhamento de conteúdos, reciprocidade no uso do sinal e do conteúdo entre as emissoras, além de intercâmbio entre os profissionais da área de comunicação.

Laerte Rimoli afirmou que o acordo de cooperação com a CCTV, “gigante de comunicação com uma área de abrangência de 600 milhões de telespectadores”, será relevante para troca de conteúdo entre as duas empresas de comunicação e para o aperfeiçoamento de seus profissionais. Uma das vertentes dessa parceria, segundo Rimoli, poderá ser a cobertura conjunta do 8º Fórum Mundial da Água, que ocorrerá em Brasília, em março do ano que vem.

O diretor-presidente da EBC informou que a empresa também assinará acordos de cooperação com a agência de notícias chinesa Xinhua e com a Rádio Internacional da China. “É uma oportunidade que teremos de nos abrir para o mundo. No Brasil, por ser um país continental, acabamos olhando muito para o nosso umbigo. Temos que olhar para o mundo. As soluções hoje são globais. A comunicação é instantânea no mundo todo, e essa é uma forma de nos abrirmos para o mundo”, disse Rimoli.

Durante a cerimônia, Huang Chuanfang destacou a cooperação entre os dois países por meio de fóruns como o Brics (grupo que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) e o aumento no número de reportagens sobre a realidade brasileira feitas pelos veículos chineses. Chuanfang citou como exemplo da importância do Brasil para o país asiático o estabelecimento do centro regional da CCTV para a América Latina em São Paulo.

 

Últimas Notícias

Petrobras demite funcionários com prisão decretada na Lava Jato
Porto de Santos movimenta 110 milhões de toneladas de carga em 2018
Alimentos da cesta básica estão mais caros em 16 capitais brasileiras
Vendas internas de veículos novos têm melhor resultado desde 2015
BNDES lança programa para atender startups
Mercosul e UE retomam negociação com expectativa de acordo até março
Poupança tem menor captação para meses de novembro em três anos
Toma posse diretoria da nova Agência Reguladora de Mineração

MAIS NOTICIAS

 

Moro reafirma “confiança pessoal” em Onyx
 
 
Após discussão, votação do Escola sem Partido em comissão é suspensa
 
 
Senado aprova projeto que congela distribuição de recursos do FPM
 
 
Crediário e cartão são os maiores responsáveis pela inadimplência
 
 
Balança comercial tem segundo melhor superávit para meses de novembro
 
 
Enel anuncia R$ 3,1 bi em distribuição de energia em São Paulo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212