Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


10 de Dez de 2017 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 ESA exibe primeiras imagens de satélite que mede poluição do planeta - Jornal Brasil em Folhas
ESA exibe primeiras imagens de satélite que mede poluição do planeta


Berlim, 1 dez (EFE).- A Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) mostrou nesta sexta-feira as primeiras imagens sem precedentes da poluição atmosférica na Terra enviada pelo satélite Sentinel-5P, lançado ao espaço em outubro, que representam uma nova dimensão em matéria de resolução e qualidade de dados.

A grande conquista é a resolução das imagens, a precisão e os detalhes obtidos com esses dados. Realmente é poluição em full HD, se compararmos com medições anteriores de resolução inferior, afirmou o diretor de Programas de Observação da Terra da ESA, Josef Aschbacher, em entrevista coletiva no Centro Aeroespacial Alemão (DLR, na sigla m alemão) em Oberpfaffenhofen, no sul da Alemanha.

O espectrômetro de imagens multiespectrais mais avançado até o momento, Tropomi, instalado no Sentinel-5P, é o instrumento que coletará os dados sobre os diferentes gases presentes na atmosfera, ente eles o dióxido de nitrogênio, o ozônio, o monóxido de carbono, o metano, o formaldeído, o dióxido de enxofre e os aerossóis.

A resolução sem precedentes de Tropomi, com um tamanho de pixel de 7x3,5 km², permitirá uma cobertura global diária, com um volume de dados de aproximadamente 640 GB por dia, detalhou Aschbacher.

Trata-se de uma nova dimensão em termos de qualidade de dados e resolução, 12 vezes maior que a obtida até agora do espaço, o que representa uma nova era nas medições da qualidade do ar, ressaltou o especialista.

Temos cerca de 4 mil longitudes de onda por espectro e medimos cerca de 450 espectros por segundo e 20 milhões destas observações por dia, precisou Pepijn Veefkind, do Real Instituto Meteorológico da Holanda, ao mostrar várias imagens criadas a partir dos dados enviados por Sentinel-5P.

Richard Bamler, do Centro de Observação da Terra da ESA, reconheceu que os resultados superaram todas as expectativas e acrescentou que esta missão, com 20 milhões de medições por dia, constitui verdadeiramente algo revolucionário.

O objetivo desta nova missão do programa europeu Copérnico de observação da Terra é oferecer informação sobre a qualidade do ar em tempo real, ou seja, três horas depois das medições, detalhou Bamler.

A informação obtida com a nova missão, coletada através do serviço de Monitoramento Atmosférico Copérnico, será utilizada para realizar os prognósticos da qualidade do ar e a tomada de futuras decisões relativas à mudança climática.

Também será de utilidade para o monitoramento de cinzas vulcânicas que influem na segurança do transporte aéreo e para os serviços de alerta em altos níveis de radiação ultravioleta, que podem causar doenças de pele.

Segundo dados de 2016 da Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada ano são registradas 6,5 milhões de mortes prematuras no mundo, 11,6% delas relacionadas com a poluição.

Na União Europeia (UE), a contaminação do ar é responsável por 500 mil mortes prematuras, lembrou Aschenbacher.

Segundo o diretor de Programas de Observação da Terra da ESA, estamos passando de um debate mais científico para um debate político, algo muito necessário e importante.

Aschenbacher disse que espera que, assim que todos esses dados estiverem disponíveis, os políticos saibam avaliá-los e aproveitem a oportunidade que para a correta tomada de decisões.

As imagens mostradas hoje são só um aperitivo dos dados que Sentinel-5P oferecerá uma vez que a missão começar a mapear diariamente 2.600 quilômetros do planeta com uma precisão jamais vista para conseguir novos índices na previsão da qualidade do ar.

O objetivo agora é que Sentinel-5P, o sexto satélite Sentinel do programa Copérnico, comece a funcionar a pleno rendimento nos próximos meses, detalhou, por sua vez, Erhard Diedrich, do DLR. EFE

 

Últimas Notícias

Certificados de homenagens são entregues em audiência que marca Dia da Consciência Negra
GOIÁS NA FRENTE - Mais 50 municípios assinam convênios
Aécio defende unidade tucana em convenção nacional do PSDB
Conab distribui cestas de alimentos para indígenas no Mato Grosso do Sul
Tocantins receberá R$ 1 milhão para monitoramento da água
Tocantins receberá R$ 1 milhão para monitoramento da água
Ministério anuncia R$ 18 mi para aeroportos do Mato Grosso
Oito municípios são reconhecidos em situação de emergência

MAIS NOTICIAS

 

Estado entrega mais de 100 moradias em Mara Rosa e Cheque Mais Moradia para Amaralina e Bonópolis
 
 
Câmara aprova mais 81 municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo na Sudene
 
 
Disputa entre taxistas e motoristas de aplicativos agora vai para a Câmara
 
 
Temer volta a Brasília e deve retomar agenda de trabalho no Planalto
 
 
Ministro da Justiça confirma críticas à segurança do estado do Rio
 
 
Banco Safra pagará US$ 10 milhões por movimentar dinheiro desviado por Maluf

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 4018-8212