Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Oct de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Ministro saudita de Petróleo reafirma acordo da Opep - Jornal Brasil em Folhas
Ministro saudita de Petróleo reafirma acordo da Opep


O ministro de Energia saudita, Khaled al-Faleh, disse nesta segunda-feira (4) que os países produtores podem começar a discutir em junho quando aumentar a produção, embora se espere que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) mantenha o corte até uma redução ampla dos estoques mundiais.

A Opep e seus parceiros acordaram, na semana passada, a manutenção de um corte durante todo o ano de 2018, uma estratégia que visa a ampliar os preços, mas que provocou um rombo financeiro nas países produtores.

Não vamos alterar nosso curso na segunda metade do ano, disse Faleh à imprensa em Riade, após um encontro com o secretário americano de Energia, Rick Perry.

Contudo, o cenário de quando chegaremos a um mercado equilibrado vai estar mais claro em junho, e vamos começar a pensar sobre o que fazer em 2010.

O objetivo não é inundar o mercado da noite para o dia.

As nações que fornecem a maior parte do petróleo do mundo acordaram, na semana passada, em manter o limite de produção de 1,8 milhão de barris diários.

Até agora, beneficiada por uma melhoria da economia global, essa estratégia funcionou, ajudando os preços do petróleo a subir de menos de 30 dólares no início de 2016 para cerca de 60 dólares agora, e reduzindo os estoques para níveis mais normais.

Mas os produtores concordaram em rever, em junho, os avanços alcançados no sentido do reequilíbrio do mercado do petróleo e fazer ajustes, se for necessário.

O príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman expressou a necessidade de estabilizar os mercados após uma reunião com Perry.

O príncipe herdeiro afirmou a vontade do reino de estabilizar os mercados de energia e abastecê-los de maneira sustentável, para servir aos interesses dos produtores e consumidores, afirmou a agência oficial da imprensa saudita.

 

Últimas Notícias

BNDES empresta R$ 30 milhões para empresa de água de Manaus
Comércio do Rio poderá contratar 10,3 mil temporários para o natal
Aneel aprova reajuste de tarifa a consumidores de GO e interior de SP
Petrobras e chinesa CNPC avançam em acordo para retomar Comperj
Aprovado pela Aneel, aumento nas contas de luz da CEB está suspenso
BNDES dá início a processo de privatização de companhia elétrica do AP
Dólar fecha em queda e Bovespa sobe 2,83%
Senado rejeita projeto sobre venda de distribuidoras da Eletrobras

MAIS NOTICIAS

 

Equipe de transição deve ser definida hoje à tarde, diz Caiado
 
 
ONS vai reforçar ações de segurança energética nas eleições e no Enem
 
 
Inflação medida pelo INPC sobe para 0,30% em setembro
 
 
Universidades particulares terão disciplina sobre primeira infância
 
 
Com Enem, horário de verão começa no dia 18 de novembro
 
 
Governo anuncia recursos de R$ 600 milhões para o ensino médio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212