Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Feb de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Tórax dos neandertais era adaptado para conseguir mais oxigênio - Jornal Brasil em Folhas
Tórax dos neandertais era adaptado para conseguir mais oxigênio


Madri, 4 dez (EFE).- O tórax do homem de Neandertal era consideravelmente mais amplo na parte inferior do que o do Homo sapiens, o que lhe permitia inalar mais oxigênio, segundo um estudo realizado por pesquisadores do Museu Nacional de Ciências Naturais e da Universidade Autônoma de Madri (UAM).

O trabalho, publicado no Journal of Human Evolution, se baseia na análise de fósseis da caverna de El Sidrón, no norte da Espanha, o sítio Neandertal mais importante da Península Ibérica.

O homem de Neandertal foi uma espécie humana inteligente que conviveu com o Homo sapiens e que foi extinto há 40 mil anos.

A principal caraterística dos Neandertais era a sua grande massa muscular que, segundo os especialistas, exigia uma grande quantidade de ar no organismo, já que o tecido muscular é um grande consumidor de oxigênio.

E embora este alto consumo de oxigênio seja refletido na caixa torácica, até agora foi não foi possível comprová-lo mediante métodos tradicionais, já que as costelas e vértebras do fóssil estão geralmente fragmentadas ou deformadas.

No entanto, utilizando técnicas como morfometria geométrica 3D, os cientistas conseguiram determinar como era o tórax Neandertal.

Para isso, estudaram mais de 100 caixas torácicas (costelas e vértebras) do sítio de El Sidrón, junto com partes de outros Neandertais.

Após reconstruir costelas e vértebras com técnicas 3D, os pesquisadores chegaram à conclusão de que os Neandertais eram caraterizados por uma caixa torácica relativamente mais curta e mais ampla na parte inferior que o Homo sapiens.

Como o diafragma, um dos músculos mais envolvidos na respiração, se situa na parte inferior do tórax, uma expansão desta área poderia conferir aos Neandertais uma maior potência respiratória e uma maior entrada de ar no organismo devido a uma maior contribuição diafragmática, explicou Daniel García Martínez, do MNCN, doutorado pela UAM e coautor do trabalho.

Esta maior entrada de ar no organismo seria totalmente coerente com a necessidade de uma maior presença de oxigênio no organismo, pois sua massa muscular era maior que na nossa própria espécie, acrescentou.

O porquê da maior massa muscular em Neandertais é algo controverso até hoje.

Alguns autores pensam que poderia ser uma adaptação à luta corpo a corpo contra grandes predadores; outros dizem que se trata de um traço genético, e enquanto outra corrente acredita que era um isolamento térmico, já que os Neandertais viviam na Europa quando a temperatura média anual era muito baixa. EFE

 

Últimas Notícias

Superintendente da Caixa, Marise Fernandes, recebe Título de Cidadã Goiana
Iris Rezende: “Marconi deixou sua marca em todas as áreas administrativas”
Bolsa Universitária: abertas novas inscrições para 10 mil bolsas
Torcidas de Goiás e Vila se mobilizam para a doação de sangue
800 vigilantes penitenciários concluem curso e vão reforçar segurança em presídios
Governo de Goiás entrega mais um colégio de alto padrão no Entorno do DF
Goiás terá 10 mil agentes de saúde formados em técnico em enfermagem
Dois chefs de cozinha representam Goiás na disputa pela maior premiação da gastronomia brasileira

MAIS NOTICIAS

 

Ministro diz que Brasil mantém portas abertas para receber refugiados
 
 
Aprovação da reforma da Previdência é prioridade número um, diz Meirelles
 
 
Conselhos aprovam intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro
 
 
Eunício determina que todas as PECs parem de tramitar no Senado
 
 
Maia anuncia criação de observatório para acompanhar ações de intervenção no RJ
 
 
Marun diz que não há como votar reforma da Previdência durante intervenção

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212