Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Aug de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Trump apoia candidato republicano acusado de agressões sexuais - Jornal Brasil em Folhas
Trump apoia candidato republicano acusado de agressões sexuais


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, apoiou oficialmente nesta segunda-feira (4) o candidato do Partido Republicano ao Senado Roy Moore, acusado por várias mulheres de ter abusado delas quando ainda eram menores de idade.

Até o momento, o presidente - acusado por uma dúzia de mulheres de manuseios indevidos - havia definido como problemáticas as alegações contra Moore, um juiz ultraconservador e fanático religioso que é candidato ao Senado pelo Alabama e foi titular da Suprema Corte desse estado.

Entretanto, Trump acabou apoiando o polêmico candidato por considerar que a eleição do candidato do Partido Democrata ao mesmo cargo do Senado seria um desastre.

Nesta segunda-feira, Trump falou por telefone com Moore, com quem discutiu detalhes da campanha do Senado no Alabama e ofereceu a ele o seu apoio formal, informou a Casa Branca.

O presidente teve uma excelente ligação com o juiz Roy Moore, durante a qual discutiram a disputa eleitoral no Alabama e o presidente ofereceu seu apoio à campanha, expressou Raj Shah, secretário de imprensa adjunto da Casa Branca.

No sábado, Moore apareceu à frente de uma pesquisa divulgada pela rede ABCNews com 49% das intenções de voto, contra 43% do democrata Dough Jones. Outra análise, feita pelo Washington Post, indicou uma vantagem de 50% a 47%, dentro da margem de erro.

Apesar de seu longo histórico de polêmicas como juiz da Suprema Corte, Moore era o favorito para ficar com a cadeira em disputa no Senado, que ficou vaga depois que o legislador conservador Jeff Sessions assumiu como procurador-geral.

Mas rapidamente surgiram denúncias de comportamento abusivo desde a época em que Moore era apenas um procurador local, com pouco mais de 30 anos, e que incluem meninas de até 14 anos.

O escândalo colocou a Casa Branca em uma situação difícil.

Por um lado, deixou Trump diante da possibilidade de apoiar um homem público acusado de assédio sexual e comportamento indecente, assim como ele mesmo.

De outro, os Republicanos têm a maioria mínima no Senado sobre os Democratas, 52 a 48 cadeiras, e uma derrota no Alabama praticamente forçaria o partido do presidente a negociar qualquer votação.

O próprio líder do Partido Republicano no Senado, Mitch McConnell, pediu que Moore se retirasse da campanha eleitoral pelas denúncias.

Enquanto isso, outro senador conservador, Cory Gardner, alertou que o Senado poderia votar pela expulsão de Moore caso seja eleito.

 

Últimas Notícias

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep
Estimativa do mercado financeiro para inflação sobe para 4,15%
Maduro diz que aceita colaboração do FBI, mas impõe condições
Disputa entre EUA e Turquia afeta as bolsas asiáticas
Secretário dos EUA discute com brasileiros defesa na América do Sul
Programa Um Olhar sobre o Mundo entrevista o fotógrafo Paulo Vitale
Após explosão em Ipatinga, sindicato quer mais segurança
Morre em São Paulo Cláudio Weber Abramo

MAIS NOTICIAS

 

Convenção do PSDB lança candidaturas de José Eliton, Marconi e Lúcia Vânia
 
 
ANP faz tomada pública sobre preço de etanol nas usinas
 
 
China e União Europeia se unem para apoiar comércio multilateral
 
 
Gabinete de intervenção vai comprar munição para polícia do Rio
 
 
PSDB confirma Alckmin como candidato a presidente da República
 
 
Álvaro Dias é oficializado candidato à Presidência pelo Podemos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212