Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Secretaria de direitos humanos do RJ lança campanha com foco na empatia - Jornal Brasil em Folhas
Secretaria de direitos humanos do RJ lança campanha com foco na empatia


Em comemoração aos 69 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, que faz aniversário hoje (10), a Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos (SEDHMI) do Rio de Janeiro lançou uma campanha sobre a importância do respeito ao próximo, utilizando a empatia como peça central.

A campanha, denominada “Minha história poderia ser a sua”, exibe depoimentos de vítimas de LGBTfobia, racismo, intolerância religiosa e outras violações de direitos, que narram suas experiências e revelam como conseguiram superá-las. As narrativas estarão disponíveis nos perfis da secretaria nas redes sociais ( Facebook e Twitter) para que possam ser compartilhadas.

O secretário de Direitos Humanos, Átila Alexandre Nunes, explicou que foi feita opção por não exibir a imagem de quem narra a violência sofrida porque, “quando você não vê a vítima, você a imagina e, ao imaginar, se coloca no lugar dela. A empatia é o primeiro passo na luta contra o preconceito”, afirmou.

Atividades

Amanhã (11), dentro da programação da Semana dos Direitos Humanos, a secretaria promove um cine debate no Arquivo Nacional, quando serão exibidos ao público os curta-metragens Quem Matou Eloá?, O Dia em que Dorival Encarou a Guarda e Vidas Deslocadas. Os flimes tratam de questões como violência contra a mulher, memória e verdade e migração e refúgio, todos temas ligados aos direitos humanos, enfatizou Átila Nunes. Os interessados em participar podem se inscrever na página da secretaria, até as 18h deste domingo. Já na quarta-feira (13) será promovido um debate sobre intolerância, com transmissão ao vivo pela página da secretaria no Facebook.

A SEDHMI recebe denúncias de casos de violação dos direitos humanos por meio do serviço Disque Combate ao Preconceito (21) 2334 -9551. O canal funciona de segunda a sexta-feira das 10h às 16h.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212