Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


26 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 União autoriza estado do Rio a contrair empréstimo de R$ 2,9 bilhões - Jornal Brasil em Folhas
União autoriza estado do Rio a contrair empréstimo de R$ 2,9 bilhões


O presidente Michel Temer assinou nesta sexta-feira (15) um acordo com o Rio de Janeiro que autoriza o estado a contrair um empréstimo de R$ 2,9 bilhões para pagar os salários em atraso do funcionalismo público. O contrato com o banco BNP Paribas, cuja garantia de pagamento será a privatização da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae), já estava assinado mas precisava do aval da União para que fosse formalizado.

A assinatura do termo de recuperação ocorreu no Palácio do Planalto com a presença do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão. Pela manhã, o Diário Oficial da União já havia publicado um despacho em que, após ouvir o Tesouro Nacional, a União autoriza o contrato “mediante o cumprimento das exigências legais cabíveis”.

Nessa quinta-feira (14), o governador e o secretário da Fazenda do Rio, Gustavo Barbosa, detalharam as condições do empréstimo. O dinheiro deve cair na conta do estado em até três dias úteis. Segundo eles, a primeira parte do repasse, de R$ 2 bilhões, será integralmente utilizada para o pagamento do salário atrasado dos servidores até no máximo a próxima semana.

“Acabei de assinar com o presidente Michel Temer e ministro Meirelles a liberação do empréstimo de R$ 2,9 bilhões que vai permitir o pagamento de salários pendentes aos servidores do estado”, informou Pezão, por meio de sua conta no Twitter. O empréstimo faz parte do plano de recuperação fiscal firmado pelo estado com o governo federal.

 

Últimas Notícias

Temer deixa prédio da Polícia Federal no Rio
Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos
Bolsa cai e dólar fecha em R$ 3,80
Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande
Países sul-americanos devem sair de uma só vez da Unasul, diz ministro
Chanceler descarta emprego das Forças Armadas na Venezuela
Moçambique, Zimbábue e Malauí tentam identificar vítimas de ciclone
Nova Zelândia quer proibir, em abril, venda de armas do tipo militar

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212