Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Funcionários do Theatro Municipal protestam mais uma vez por salários atrasados - Jornal Brasil em Folhas
Funcionários do Theatro Municipal protestam mais uma vez por salários atrasados


Os artistas, técnicos e funcionários administrativos da Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro fizeram na tarde de hoje (18), nas escadarias do teatro, a terceira manifestação artística do ano em protesto contra os atrasos no pagamento de seus salários e a falta de condições para o funcionamento da tradicional casa de espetáculos, inaugurada em 1909.

Vinculado à Secretaria Estadual de Cultura, o Theatro Municipal tem sido afetado pela crise nas contas do estado.

Integrantes do movimento SOS Theatro Municipal, criado em meio à crise, afirmam que servidores do teatro estão sendo despejados, perdendo a cobertura de plano de saúde e até com dificuldades para comprar comida.

“Nós, bailarinos, cantores, maestros e músicos da orquestra, todos temos formação, somos contratados para funcionar dentro desta casa e estamos impedidos pelas circunstâncias de fazer o nosso ofício, de trabalhar nas nossas temporadas e apresentações”, disse Ciro DAraujo, integrante da comissão de artistas que negocia com o governo estadual. “Nós temos talento para gritar no meio da rua e vamos fazer isso quantas vezes for necessário. A nossa maneira de gritar, de mostrar indignação, é mostrar a nossa arte”, acrescentou, antes do início da apresentação desta segunda.

Além dos funcionários do Municipal, a manifestação teve a participação de artistas da Escola de Dança Maria Olenewa (unidade de formação de bailarinos ligada ao teatro) e também de grupos sem vínculo com a instituição, como a Orquestra Voadora, Passinho Brasil Companhia de Dança, Companhia Brasileira de Ballet, além de integrantes de escolas de samba.

O programa, que atraiu um público de centenas de pessoas, foi aberto com um trecho da cantata Carmina Burana, de Carl Orff, executado pelo ballet, coro e orquestra do Theatro Municipal. Na sequência, os bailarinos Debora Ribeiro e Diego Lima se apresentaram em duo, ao som de trecho da Nona Sinfonia de Beethoven, também executada pela orquestra e pelo coro.

Em seguida, se apresentaram as primeiras bailarinas Cecilia Kerche e Ana Botafogo, essa em duo com o dançarino Carlinhos de Jesus, ao som da música Fascination. A manifestação artística teve ainda um flash mob com os grupos de dança convidados, e foi encerrada com todos cantando Apesar de você, de Chico Buarque.

Na última sexta-feira (15), após a assinatura em Brasília do acordo com o governo federal que autorizou o estado do Rio de Janeiro a contrair um empréstimo de R$ 2,9 bilhões com o banco BNP Paribas, o governador Luiz Fernando Pezão prometeu pagar os salários em atraso do funcionalismo público estadual antes do Natal.

 

Últimas Notícias

Brasil perdeu 7,2 milhões de linhas de celular no ano passado
Petrobras reduz em 3% GLP empresarial nas refinarias
Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus
Escassez de chuvas leva governo a acionar termelétricas mais caras
Picciani, Paulo Melo e Albertassi serão julgados por Bretas
Suspensa permissão para deputada receber denúncias contra professores
MPT não descarta pedir bloqueio dos bens do Flamengo
Número de mortos identificados em Brumadinho chega a 151

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212