Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Hugol é finalista em projeto do Ministério da Saúde e Hospital Sírio Libanês - Jornal Brasil em Folhas
Hugol é finalista em projeto do Ministério da Saúde e Hospital Sírio Libanês


O secretário da Saúde Leonardo Vilela e diretores do Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol) participam nesta terça-feira, dia 19, às 16 horas, de reunião para apresentar os resultados do projeto Excelência Operacional nas Emergências do SUS, no Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Representantes do Ministério da Saúde que desenvolve o projeto com o hospital paulista, também vão participar, validando as experiências apresentadas por seis hospitais brasileiros.

“Um dos grandes desafios para a saúde pública no Brasil é o gerenciamento eficiente da porta de entrada das unidades de saúde para evitar a superlotação e garantir um atendimento resolutivo aos pacientes do Sistema Único de Saúde”, explica o secretário Leonardo Vilela sobre o projeto, em que o Hugol obteve excelente desempenho.

De acordo com o diretor-geral do Hugol, Hélio Ponciano, o foco desde a inauguração da unidade é proporcionar melhorias contínuas dos fluxos intra-hospitalares, e por causa disso, o Hugol vem implementando ações voltadas à qualidade e à segurança do paciente, à gestão estratégica e ao aperfeiçoamento dos processos.

Resolução
O gerente do projeto Excelência Operacional nas Emergências do SUS, Ricardo Bertolucci, responsável pelos seis hospitais envolvidos no projeto, explica que “esse projeto foi uma demanda do Ministério da Saúde junto ao Hospital Sírio-libanês para reduzir a superlotação nas emergências do SUS. Como o Hugol é um hospital novo, o Ministério entendeu que seria a melhor escolha”.

Efetividade
O diretor geral do Hugol, Hélio Ponciano Trevenzol, ressalta que a consultoria é uma grande oportunidade para o hospital, que recebe a capacitação através da experiência do Sírio-Libanês. “Colocamos em prática o piloto da reformulação de nossos processos assistenciais e de apoio na Emergência do Hugol. Os resultados iniciais demonstram uma maior efetividade no atendimento, possibilitando atender mais pessoas, com maior qualidade”, ressalta.

Além do Hugol, que está representando Goiás e o Centro-Oeste do País, existem outras cinco unidades inseridas na consultoria durante esse semestre, hospitais localizados em São José (SC), Fortaleza (CE), Belo Horizonte (MG), Palmas (TO) e São Paulo (SP).

 

Últimas Notícias

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212