Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Alemanha homenageia vítimas um ano após ataque em Berlim - Jornal Brasil em Folhas
Alemanha homenageia vítimas um ano após ataque em Berlim


Um ano após o atentado contra um mercado de Natal de Berlim, a Alemanha presta homenagem nesta terça-feira às vítimas, ao mesmo tempo em que autoridades reconhecem negligência antes do ataque.

O atentado de 19 de dezembro de 2016, cometido pelo tunisiano Anis Amri, de 24 anos, e reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI), deixou 12 mortos e uma centena de feridos.

Muitos alemães permanecem convencidos de que o ataque - com um caminhão - poderia ter sido evitado e a chanceler Angela Merkel foi muito criticada por ter esperado um ano, até segunda-feira, para receber os parentes das vítimas fatais.

A chanceler Angela Merkel inaugurou um monumento diante da Igreja da Memória, cujo campanário, parcialmente destruído durante a Segunda Guerra Mundial, é visto em toda a praça.

Hoje deve ser não apenas um dia de luto, mas também um dia para nossa vontade de fazer o melhor, afirmou Merkel na cerimônia de inauguração.

O monumento tem a forma de rasgo dourado de 14 metros situado nas escadas que levam à igreja, como se fosse uma enorm cicatriz . Tem um texto gravado: Em recordação às vítimas do ataque de 19 de dezembro de 2016. Por uma vida harmoniosa entre todos os seres humanos.

A verdade é que o apoio às vítimas chegou muito tarde e foi insuficiente, admitiu nesta terça-feira o presidente Frank-Walter Steinmeier durante outra cerimônia, sem a presença dos jornalistas, na Igreja da Memória, ao lado de onde aconteceu o atentado.

Saibam que suas experiências, suas queixas e suas advertências foram ouvidas. O 19 de dezembro de 2016 impôs um dever aos líderes políticos: temos que tirar conclusões das negligências e aprender com nossos erros, afirmou o social-democrata, segundo o texto de seu discurso divulgado à imprensa.

O ministro da Justiça, Heiko Maas, pediu desculpas em um artigo publicado nos jornais.

As declarações contrastam com as de Merkel, que na segunda-feira afirmou que as autoridades expressaram claramente sua compaixão com as vítimas.

Várias cerimônias serão organizadas nesta terça-feira na praça em que fica o mercado de Natal, a Breitscheidplatz, onde serão homenageados os mortos, de seis nacionalidades: alemã, polonesa, italiana, tcheca, israelense e ucraniana.

Durante a noite, uma cerimônia ecumênica será celebrado e às 20H02 (17H02 de Brasília), horário exato do atentado, velas iluminarão a praça. Os sinos tocarão por 12 minutos.

Este ano foi estabelecido um importante dispositivo de segurança para o mercado natalino, alvo da tragédia, e para outros do tipo espalhados pelo país, incluindo a colocação de blocos de concreto para impedir a passagem de veículos.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212