Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


15 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Correios e Azul vão criar empresa para transporte de produtos de e-commerce - Jornal Brasil em Folhas
Correios e Azul vão criar empresa para transporte de produtos de e-commerce


Os Correios e a empresa aérea Azul assinaram hoje (20) um memorando de entendimento para criação de uma empresa privada de solução de logística voltada para o transporte de produtos comercializados pela internet. A nova empresa, que ainda não tem nome, terá participação acionária de 50,01% da Azul e 49,99% dos Correios. A expectativa é que a operação inicie em março de 2018.

A partir de agora, o documento será submetido à aprovação dos órgãos e instâncias competentes, como a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), autarquia que controla as operações na bolsa de valores, e a Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

De acordo com o presidente dos Correios, Guilherme Campos, a criação da empresa atende os requisitos da Lei 13.303 de 2016, a chamada Lei das Estatais. “Podemos apanhar muito ou receber muito aplausos pelo pioneirismo, disse Campos. Ele destacou que o Artigo 20, parágrafo terceiro da lei versa sobre as parceria que podem ser constituídas entre empresas públicas e privadas. Segundo ele, a nova empresa atende a todos os requisitos da legislação.

“Mas não tenho dúvidas que vou levar pancadas, não tenho dúvida, quer seja de concorrentes, internamente, dos órgãos de fiscalização e controle da União. Mas estamos seguros, aptos e à disposição de todos para todas as explicações e estudos que embasaram essa decisão”, acrescentou o presidente dos Correios.

De acordo com a Azul e os Correios, o início das operações da nova empresa deve movimentar aproximadamente 100 mil toneladas de cargas por ano. Segundo Campos, a parceira garantirá aos Correios uma economia aproximada entre 35% e 40% do gasto de transporte de carga, hoje em R$ 560 milhões por ano.

“O bonito dessa parceria é que praticamente não envolve dinheiro. Está juntando aeronaves já existentes, que já fazem voos, com a carga dos Correio que já existe. Essa nova empresa passa a transportar a carga de encomenda postal dos Correios”, afirmou Campos. “Vamos usar a barriga do avião”, reforçou.

Já o presidente da Azul, David Neeleman, disse que muito produtos que atualmente são transportados por caminhões passarão a ser entregues via aérea. “Estamos muito animados e é uma grande honra ter os Correios como sócios. É uma ideia que tivemos há alguns anos e vamos com isso acompanhar o crescimento de e-commerce, que o Brasil quer estar na frente”, disse Neeleman.

De acordo com o empresário, a Azul, que tem hoje uma frota de 130 aeronaves e atua em 100 destinos no país, a prestensão é chegar a 200 aviões e ampliar a sua malha para 200 destinos. “Esses são os ativos que já estão lá e tem espaço nas barrigas para colocar. Temos muito voos que não estão lotados. Vamos ter cargueiros também. É uma parceria ganha-ganha”, disse.

 

Últimas Notícias

Presidente Díaz-Canel defende trabalho de médicos cubanos no Brasil
Ministério vai lançar edital para repor vagas de médicos cubanos
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil
Associação lança projeto para conscientizar população sobre diabetes 2
Transposição do S. Francisco está na pauta de prioridades da transição
Temer inaugura primeira etapa do acelerador de elétrons Sirius
Temer diz que decidirá “lá na frente” reajuste de ministros do STF
Só um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

MAIS NOTICIAS

 

No Congresso, Temer defende reuniões frequentes entre Poderes
 
 
Bolsonaro reafirma, no Congresso, compromisso com a Constituição
 
 
Bolsonaro critica Enem e diz que prova deve cobrar conhecimentos úteis
 
 
Governo de transição dividiu trabalhos por temas em dez frentes
 
 
Para ministro, é “mais simples” unir MEC com Ciência e Tecnologia
 
 
Bolsonaro e Temer iniciam hoje formalmente governo de transição

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212