Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


16 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Trump ameaça países que apoiarem resolução sobre Jerusalém na ONU - Jornal Brasil em Folhas
Trump ameaça países que apoiarem resolução sobre Jerusalém na ONU


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lançou nesta quarta-feira (20) uma advertência aos países tentados a votar na ONU uma resolução condenando o reconhecimento por Washington de Jerusalém como a capital de Israel, ameaçando cortar o financiamento americano.

Em declarações na Casa Branca, Trump denunciou a todas estas nações que tomam o nosso dinheiro e votam contra nós no Conselho de Segurança e potencialmente votam contra nós na Assembleia Geral da ONU.

Tomam centenas de milhões de dólares e inclusive bilhões de dólares e depois votam contra nós. Bem, estaremos observando estes votos, prosseguiu.

Deixem que votem contra nós. Economizaremos um montão. Não nos importa, afirmou.

A Assembleia Geral da ONU celebrará uma sessão de emergência na quinta-feira para votar um projeto de resolução que rejeita a decisão de Trump de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel, depois que os Estados Unidos vetaram uma medida similar no Conselho de Segurança.

Turquia e Iêmen solicitaram a reunião urgente da Assembleia em nome do grupo de países árabes e da Organização de Cooperação Islâmica (OCI).

Assim como o texto apresentado pelo Egito ao Conselho de Segurança, o projeto de resolução que votará a Assembleia de 193 países não menciona a decisão de Trump, mas expressa uma profunda preocupação sobre as recentes decisões acerca do estatuto de Jerusalém.

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Halley, advertiu na terça-feira que informaria a Trump sobre os nomes que apoiaram o projeto de resolução, em uma ação que o chanceler palestino, Riyad al Malki, denunciou como ameaças de Washington a membros da Assembleia antes da votação de quinta-feira.

Nikki, essa foi a mensagem correta, acrescentou o presidente.

 

Últimas Notícias

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses
Ministro quer atrair investimentos privados para Jardim Botânico do RJ
Fies vai oferecer 100 mil vagas a juro zero para alunos de baixa renda
TJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Vale pede mais tempo para analisar Termo de Ajuste Preliminar
Deputados do Rio presos podem ter posses suspensas
Vale suspende operação em barragem em Brucutu e de mina em Brumadinho
TRE-RJ mantém ex-deputado Paulo Melo inelegível até 2024

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212