Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Abr de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Pezão pede desculpas a servidores e garante salários regulares em 2018 - Jornal Brasil em Folhas
Pezão pede desculpas a servidores e garante salários regulares em 2018


O governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, pediu desculpas aos servidores e pensionistas do estado pelos atrasos salariais ao longo de 2017, mas garantiu que os pagamentos voltarão a ser regulares em 2018. Pezão também disse que a segurança deverá melhorar no estado, com a compra de novas viaturas, contratação de policiais concursados e pagamento de RA (Regime Adicional de Serviço, relativo às horas extras da tropa), o que garantirá mais efetivo nas ruas.

“Eu quero pedir desculpas ao servidor público por ter atrasado o seu pagamento, por não ter dado previsibilidade. Mas eu tenho certeza que, no ano de 2018, ele vai ter uma vida com mais segurança, sabendo o dia que ele vai receber. A gente ainda tem uma parte de novembro e o 13º salário de 2017 a ser acertado. A partir do salário de janeiro, que é pago em fevereiro, nós vamos em dia até o final de 2018”, disse Pezão, após solenidade de entrega de cinco caminhões ao Corpo de Bombeiros, nesta quinta-feira (28), no Palácio Guanabara.

O governador também comentou a questão da segurança no Rio, que teve em 2017 momentos de violência intensa, com o enfraquecimento do projeto das unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) e o recrudescimento de confrontos entre facções rivais pelo controle de morros, um grande número de policiais assassinados e o aumento dos assaltos nas ruas.

De acordo com o governador, o Rio perdeu o equivalente a 3 mil policiais nas ruas por falta de recursos para pagamento de RA. “Queremos estabelecer a volta dos policiais para reforçar o policiamento. Depois que eu colocar a vida dos servidores em dia, eu quero começar a chamar esses policiais concursados. Eu tenho a certeza que nós vamos melhorar a segurança”, disse Pezão.

Entre as medidas que vão ajudar o caixa do estado em 2018, está o empréstimo de R$ 2,9 bilhões conseguidos tendo como aval as ações da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae), cortes nas despesas da máquina pública, aumento da arrecadação com a indústria do petróleo, entre outros fatores.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Ex-presidente do Peru tenta se matar ao receber ordem de prisão
Ex-presidente do Peru está em estado grave após tentativa de suicídio
Governo argentino lança pacote de medidas para combater inflação
PRF apreende no Rio 300 mil maços de cigarros contrabandeados
Famílias de baixa renda de Brumadinho recebem auxílio emergencial
Governo autoriza uso da Força Nacional para segurança na Esplanada
Chega a 18 número de mortos no desabamento no Rio de Janeiro
Fachin pede manifestação de Moraes sobre inquérito de fake news

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - EXPEDIENTE