Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Conservador, moderado ou agressivo: gestor recomenda carteira de fundos para cada perfil de investidor - Jornal Brasil em Folhas
Conservador, moderado ou agressivo: gestor recomenda carteira de fundos para cada perfil de investidor


SÃO PAULO - A aplicação em fundos de investimentos proporciona ao investidor a possibilidade de alcançar diversos ativos por meio de um só canal. No entanto, ao contrário do que possa parecer, o investidor deve distribuir seu patrimônio em mais de um fundo, criando uma carteira semelhante aos portfólios de ações. A importância da diversificação é a mesma no mundo dos fundos de investimentos.

O sujeito olha a plataforma de uma corretora com 300 fundos e entende que tem que escolher o melhor fundo e é aí que ele se engana, ao achar que vai escolher o melhor fundo e colocar 100% do dinheiro lá. Ele se baseia na performance histórica, mas em 99% dos casos aquela performance não acontece no momento seguinte. Na maioria dos casos os retornos convergem para a média. Assim, um fundo vai compensar o outro: quando um for muito bem o outro não vai tão bem assim, explica Mário Avelar, sócio da AvantGarde Capital e professores do curso do InfoMoney Aprenda a Investir em Fundos e Previdência.

Diante disso, Avelar preparou com exclusividade para os leitores do InfoMoney três carteiras de fundos de investimentos de acordo com o perfil de cada investidor. O que muda nas carteiras é o nível de risco que ela vai correr, conta o gestor.

Para a escolha dos ativos, além do perfil do investidor, Avelar levou em consideração um cenário de continuidade do crescimento da economia brasileira e a possibilidade de volatilidade elevada com as eleições presidenciais e a votação da reforma previdenciária.

Para investir nos fundos de investimentos distribuídos pela XP, clique aqui e abra sua conta

A não aprovação da reforma da previdência, que é meu cenário base, vai afetar negativamente os mercados, fazendo com que - no curto prazo - o mercado se estresse, conta.

Veja as carteiras recomendadas pelo gestor da AvantGarde Capital:

Investidor conservador - Volatilidade esperada de 1%

Nome do fundo

Peso

AZ Quest Luce CP

15%

BTG Explorer

10%

BTG Yield DI CP

17,5%

CA Indosuez Vitesse CP

15%

Sul América Endurance

10%

Sul América Juro Real

7,5%

Vinci Valorem FIM

10%

Western Asset RF Ativo

15%

Essa carteira tende a sofrer menos com a volatilidade esperada para os investimentos por ter exposição razoavelmente conservadora ao crédito privado e deve ser mantida por cerca de 12 meses antes de eventual alteração.

A carteira inclui ainda alguns fundos multimercados. Não é porque a carteira é conservadora que só pode investir em aplicações conservadoras. É possível ter exposição marginal a investimentos ligeiramente menos conservadores. O retorno será marginalmente menor, mas com risco alinhado ao perfil. Não precisa colocar tudo em CDB ou Tesouro Direto, explica Avelar.

Investidor moderado - Volatilidade esperada de 5%

Nome do fundo

Peso

Avantgarde Capital FIM

5%

BTG Pactual Discovery

10%

BTG Pactual Imobiliario FOF - BCFF11

15%

CA Indosuez Infra CP

10%

iShares S&P500 (IVVB) - ETF

5%

Ouro Preto FIM CP

10%

PIMCO Income

12,50%

Sul América Endurance

15%

Vinci Valorem FIM

10%

XP Macro FIM

7,50%

A carteira moderada deve ser mantida pelo período de um a dois anos para que haja tempo suficiente para os retornos esperados. O prazo é importante porque os ganhos podem demorar a acontecer. O investidor precisa estar preparado e ter disponibilidade de tempo para que a certeira dê resultado, explica Avelar.

Quanto maior o risco individual de cada fundo, menor participação na carteira o ativo terá para que cvada fundo contribua de maneira igual para o risco da carteira. Essa regra vale tanto para o portfólio moderado como o agressivo.

Investidor agressivo - Volatilidade esperada de 10%

Nome do fundo

Peso

Alaska Range FIM

7,50%

Avantgarde Capital FIM

7,50%

AZ Quest Equity Hedge

10%

Bahia AM Maraú

10%

BB ETF S&P Dividendos (BBSD11) - ETF

7,50%

BTG Pactual Imobiliario FOF - BCFF11

10%

CA Indosuez Infra CP

7,50%

Exploritas Alpha America Latina

10%

iShares S&P500 (IVVB) - ETF

7,50%

Ouro Preto FIM CP

7,50%

PIMCO Income

7,50%

XP Macro FIM

7,50%

A carteira agressiva deve ser mantida por período superior a dois anos para que haja tempo suficiente para os retornos esperados. O tempo de manutenção desse portfólio é superior a todos os outros porque a volatilidade é maior e, por isso, necessita de maior prazo para ganhos médios superiores.

Neste portfólio, um quarto das recomendações são de ativos estrangeiros e que, não necessariamente, carrega riscos sistêmicos de outros países.

O curso Aprenda a Investir em Fundos e Previdência, do InfoMoney, mostra o passo a passo para escolher a melhor aplicação, as características presentes em todos os fundos e citam, ainda, as vantagens de delegar o investimento a um gestor.

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio promove caminhonetadas em várias regiões de Aparecida
Dia da Árvore: desmatamento vem caindo, mas ainda há desafios
Brincar com os quatro elementos da natureza ajuda a criança a se desenvolver melhor
Meninas que praticam esportes, cuidado com a alimentação!
Indústria paulista fecha 2,5 mil postos de trabalho em agosto
Aneel descarta revisão de bandeira tarifária em conta de luz
BNDES: empréstimos para Cuba e Venezuela não deveriam ter sido feitos
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212